19 de Junho de 2019

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO

Domingo, 12 de Maio de 2019, 08h:30 - A | A

ECONOMIA

Passagens devem ficar até 40% mais baratas em MT após contratação de duas empresas

Olhar Direto

Olhar Direto

image

As passagens dos trechos Cuiabá-Rondonópolis e Cuiabá-Tangará da Serra devem ficar até 40% mais baratas após a contratação das empresas Expresso Itamaraty S.A e Viação Juína para atuarem nas regiões de Rondonópolis (a 216 km de Cuiabá) e Juína (a 730 km de Cuiabá) durante seis meses. A formalização do sistema intermunicipal é resultado do processo de contratação emergencial que teve início em março deste ano e visa regularizar o transporte intermunicipal.

Com a regularização do sistema, a expectativa pela equipe técnica da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra) é que as passagens do trecho Cuiabá-Tangará da Serra fique 40% mais baratas. Atualmente, o bilhete para este trecho custa em média R$ 70, mas deve cair para R$ 40. A distância entre as duas cidades é de 240 km e o coeficiente apresentado pela empresa vencedora do certame, a Viação Juína, foi de R$ 0,1667.

Já para Cuiabá-Rondonópolis, a redução deve ser de 34%. A passagem que hoje está em torno de R$ 60, tende a passar para um pouco mais de R$ 40. As cidades têm distância de 219 quilômetros. O coeficiente tarifário proposto pela Expresso Itamaraty foi de R$ 0,194.

"Estudos mostram que a regularização do sistema de transporte acarretará numa redução significativa no preço da tarifa, além da regularidade das empresas junto à agência reguladora e ao próprio Estado com o recolhimento de impostos, sendo desta forma o cidadão totalmente beneficiado", observou a presidente da Comissão Especial de Licitação e superintendente de Concessões da Sinfra, Jossy Soares.

Contratação

O secretário de Infraestrutura e Logística, Marcelo de Oliveira, explicou que esse é um processo transparente que visa cumprir um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com Ministério Público do Estado e atender as necessidades do mercado, promovendo a regularização dos contratos do sistema intermunicipal de transporte. "As duas empresas venceram com o quesito de menor preço e vão prestar o serviço por seis meses em suas regiões enquanto se realiza a licitação principal que legalizará de forma definitiva o mercado", concluiu.

Segundo a Comissão Especial de Licitação, a empresa Itamaraty venceu a concorrência no mercado 2 (região de Rondonópolis), lote 1, categoria básica, que prevê um serviço de ônibus com diversas paradas durante o percurso da viagem, o chamado "pinga-pinga". Já a Viação Juína atenderá o mercado 6, (região de Tangará da Serra), também na mesma modalidade básica.

Imprimir




RÁDIO

Citadas por Temer, fake news não são tema principal da

Citadas por Temer, fake news não são tema principal da

Citadas por Temer, fake news não são tema principal da





ENQUETE

VEJA MAIS

Você é contra ou a favor ao novo decreto do porte de armas?

PARCIAL

(65) 3052-6030

redacaocopopular1@gmail.com admcopopular1@gmail.com financeiro@copopular.com.br

logo
image