PM PRENDE DUPLA ACUSADA DE APLICAR O "GOLPE DO ENVELOPE VAZIO"
30.05.2014

Segundo a PM, o golpe do envelope vazio tem feito muitas vítimas no comércio

Policiais militares prenderam dois homens acusados de tentar aplicar o chamado “golpe do envelope vazio”, em Cuiabá.

Eles tentaram tentaram comprar 55 pneus de caminhão, no valor R$ 69.900,00, fazendo o pagamento através de depósito em conta - que, na verdade, era um golpe.

V.R.S., de 35 anos, e J.C.G.,, que usava o nome do irmão, foram autuados por tentativa de estelionato.

A funcionária da loja de pneus descobriu que o pagamento tinha sido bloqueado e conseguiu evitar que o freteiro fizesse a entrega.

Ele estava a caminho da entrega, quando a funcionária da empresa descobriu que o depósito estava bloqueado. Pediu para o freteiro parar a entrega e acionou a PM.

“Descobri que tinha caído no golpe do envelope vazio. Ainda bem que os pneus não tinham sido entregues. Entrei em contato com a Polícia, que me orientou a levar até o local indicado pelos golpistas”, explicou a vítima.

Conforme os policiais, a entrega inicial seria no trevo de acesso ao bairro Santa Rosa. O freteiro estava próximo, quando um dos suspeitos ligou em seu celular e mudou para a entrada do bairro CPA I. Os PMs, então, acompanharam a entrega do produto.

Ao chegar no local indicado, o motorista do caminhão deparou com dois homens, que pediram para que ele o seguisse, pois os pneus seriam descarregados num galpão pertencente a um deles e um terceiro os aguardava.

Quando estava próximo do galpão, apareceu a viatura da PM e um deles recebeu a ligação do terceiro, que pediu para abortar a entrega porque os policiais tinham assustado o freteiro.

Ao ser detido, V. alegou que iria fazer o pagamento parcelado e que não pretendia aplicar golpe.

De lá, eles foram levados para o Plantão Metropolitano da Capital e autuados por tentativa de estelionato.

 Policiais plantonistas informaram que no caso não coube o pagamento de fiança, uma vez que a pena máxima para o crime é de cinco anos.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade