JUSTIçA DETERMINA RETIRADA DE GRUPO DE TERRA DO MUNICíPIO DE CAMPO NOVO DO PARECIS
10.06.2014

Justiça determina retirada de grupo de terra do município de Campo Novo do Parecis

Em cumprimento a ordem judicial, um oficial de justiça com o apoio da Polícia Militar de Campo Novo do Parecis fizeram na manhã desta terça-feira (10), a retirada das famílias que estavam acampadas às margens da MT 488, área que estava destinada à instalação de um frigorífico de aves [o que não saiu do papel] e que foi invadida há 3 meses.
 
De maneira pacifica, os barracos construídos no local foram demolidos, os invasores retiraram seus utensílios e deixaram a área. Durante o tempo em que estiveram assentados, os produtores da agricultura familiar plantaram uma horta.
 
Há cinco anos, a prefeitura comprou 100 hectares do antigo proprietário para repassá-la a um frigorífico de frango que seria instalado na cidade, mas isso não aconteceu. O agricultor vendeu as terras, foi pago pelo município e ainda hoje lucra - são duas safras anuais - com a utilização do espaço, onde planta soja e girassol, segundo o site Centro-Oeste Popular.
 
O ex-proprietário afirma que tem um acordo com a prefeitura, mas não explicou como funciona. A reportagem do site Centro-Oeste Popular ouviu a assessoria jurídica da prefeitura, que informou somente que desconhece qualquer plantio nas terras.
DSC00054
DSC00060
COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade