PILARES COM VERSOS DE GENTILEZA FICAM DE Pé APóS DEMOLIçãO DA PERIMETRAL
17.07.2014

A demolição de último trecho da Perimetral começa neste sábado (19), entre o estacionamento da Rodoviária Novo Rio e a Avenida Professor Pereira Reis, na Zona Portuária. Esta parte do viaduto é sustentada pelos pilares pintados pelo Profeta Gentileza, que ficou famoso com suas mensagens positivas e pelo bordão "gentileza gera gentileza".

A Companhia de Desenvolvimento Urbano da Região do Porto (Cdurp) informou nesta quarta-feira (16) que, inicialmente, as obras não serão próximas aos pilares que têm mensagens do Profeta Gentileza, reforçou que as pinturas, tombadas pela Prefeitura, serão protegidas durantes as obras.

Ainda segundo a CDurp, o processo de demolição será feito por máquinas especiais e não envolverá qualquer tipo de implosão. Dessa forma, quando as obras chegarem próximo aos pilares, medidas de proteção serão adotadas como um revestimento especial de tela de aço e outros suportes de segurança.


Gentileza

Profeta Gentileza (Foto: Reprodução/EPTV)
O profeta Gentileza (Foto: Reprodução/EPTV)

Figura histórica da cena carioca, José Datrino, o Profeta Gentileza (1917 – 1996), carregava estandartes e bandeiras para divulgar sua ética pelas ruas do Rio. Suas palavras que exaltavam o amor e a paz foram escritas em algumas pilastras espalhadas pela cidade.


De bata branca e barba longa, com um galhardete pedindo aos "filhos" do mundo um pouco de gentileza, o profeta era conhecido de quem pegava a barca Rio-Niterói ou chegava na Rodoviária Novo Rio. Em 2000, as pilastras pintadas com seus escritos foram tombadas como patrimônio cultural da cidade.

Mapa do último trecho da Perimetral que será demolido (Foto: Arte/G1)

Demolições
Para fazer as demolições, a Avenida Rodrigues Alves, entre a Rua Professor Pereira Reis e a Rodoviária Novo Rio, ficará fechada nos dois sentidos até o segundo semestre de 2015.

De acordo com o diretor de operações da Cet-Rio, Joaquim Dinis, o tráfego na região sofrerá algumas mudanças. Os motoristas devem evitar a região e dar prioridade aos transportes públicos, recomendou Dinis.

“É uma redução significativa de capacidade, a gente prevê congestionamentos na chegada ao Centro da cidade. Na parte da tarde, na saída, também com reflexos no 31 de Março, em Botafogo", acrescentou.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade