PRESIDENTE DA CâMARA DE VG é SEQUESTRADO E FICA 9 HORAS EM CATIVEIRO
24.07.2014

O vereador e presidente da Câmara de Várzea Grande, Waldir Bento da Costa (PMDB), foi sequestrado na noite de quarta-feira (23) no bairro Mapim, em Várzea Grande, por três homens armados que estavam em um Citröen C-3 de cor prata. 

Os assaltantes dominaram o vereador por volta das 20h30 e levaram sua caminhonete Hillux e R$ 300,00, a aliança de ouro e um relógio. Em seguida, ele foi levado para uma casa que serviu de cativeiro e só foi liberado às 5h desta quinta-feira (24). O local não fornecido pela vítima porque ele ficou o tempo todo encapuzado.

Os bandidos tiraram o vereador da casa onde ele estava e o levaram para as imediações da Ponte Sério Motta, próximo ao bairro Carrapicho. O caminho inteiro ele foi encapuzado, uma maneira dele não reconhecer o lugar onde ficou em cárcere, por onde passava e nem os bandidos que os sequestravam. 

A suspeita da Polícia Militar, que foi acionada assim que o vereador foi liberado, é que os ladrões tenham levado a caminhonete para Bolívia, com intuito de troca-la por drogas, como pasta base de cocaína. 

Waldir Bento, que é candidato a deputado estadual, passa bem e não sofreu nenhum ferimento. Ele contou aos policiais que estava em uma reunião política no bairro Mapim e na saída foi abordado. O caso será investigado pela delegacia de Roubos e Furtos de Várzea Grande.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade