CANDIDATO DO PSOL AO GOVERNO QUER O FIM DAS EMENDAS
01.08.2014

Caso seja eleito governador de Mato Grosso, o candidato do PSOL José Roberto Cavalcante promete fazer auditoria nos contratos do governo e analisar a real situação da dívida ativa do Estado. “Precisamos dessa transparência e tomar as medidas necessárias de encontrar pessoas com desvio de conduta e responsabilizá-las”, comentou durante a primeira rodada de entrevistas do Jornal da Manhã, da TV Record.

Outra medida que promete ser polêmica é findar as emendas parlamentares individuais. Caso seja governador, os deputados estaduais perderiam o direito. “Nossos representantes tem agido como meros despachantes de empreiteiros. Os recursos destinados de forma direta é uma forma de acabar com emendas eleitorais. Essa é uma proposta do PSOL em nível de estado e no cenário nacional”.

Com apenas 12 candidatos a deputado estadual e 24 vagas no parlamento estado, ele sustenta que não teria problemas de governabilidade, pois o cidadão tem a consciência do atrelamento dos poderes Executivo e Legislativo e tem demonstrado que sabe que essa relação tem sido prejudicial à sociedade.

Questionado sobre a estratégia de massificação do nome do Procurador Mauro (PSOL) em eleições passadas ao Senado, governo do Estado e prefeitura e agora para deputado federal, José Roberto disse que foi uma forma de enfrentamento de uma situação política. “Da forma que se desenha há muito tempo, com grupos econômicos se revezando, temos um programa de enfrentamento e queremos procurar junto à população colocar fim ao ciclo de exclusão da maioria”.

Outra proposta é investir 35% do orçamento do Estado na Educação, 10% acima do que já é previsto em lei. Conforme o candidato, os recursos viriam de outras pastas. “Mato Grosso é um estado próspero. Na Copa do Mundo verificou-se que apareceu recursos para fazer o evento e esse estádio em tempo recorde”. Cavalcante se comprometeu em concluir as obras da Copa do Mundo que ficarem para a próxima gestão.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade