MAIS DE 40% DO ELEITORADO DE MATO GROSSO CONSIDERA GOVERNO SILVAL RUIM OU PéSSIMO; PIOR DESEMPENHO EM DéCADAS
08.08.2014

Caso fosse estudante, o governador Silvla Barbosa (PMDB) estaria reprovado. É o que revelam os índices aferidos pelo Ibope, divulgados pela TV Centro América (Globo), na noite desta quina-feira (07/08), sobre a atual administração de Mato Grosso: 27% consideram seu governo péssimo, enquanto 14% avaliam como ruim, que, somados, chegam a 41%. 

Já 38% dos eleitores classificam o governo Silval como regular. Como em geral os que apontam a gestão como regular podem ser divididos ao meio – os que aprovam e aqueles que rejeitam, o índice dos que aprovam é de apenas 19%, entre aqueles que optaram por indicar regular.

Caso sejam somados os 41% dos que classificam o governo Sival como ruim e péssimo com metade (19%) dos que o consideram apenas regular, chega-se a 60% de rejeição – o maior índice da história de Mato Grosso pós divisão, iniciada em outubro de 1977. 

Na mesma pesqauisa, somente 1% dos eleitores ouvidos pelo Ibope considerou o governo de Silval como ótimo, enquanto outros 13% disseram que o governo é bom. A soma de ótimo e bom chega a 14% que, com metade do índice regular, atinge o pico de 33%.

Do total de entrevistados, 7% não souberam, ou não quiseram, avaliar a gestão de Silval Barbosa, no levantamento do Ibope.

A pesquisa foi realizada entre os dias 3 e 5 de agosto, onde foram ouvidos 812 eleitores em 37 municípios de Mato Grosso. 

A margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos, com um nível de confiança de 95%. 

Contratada pela TV Centro América (TVCA), a pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MT) sob o protocolo Nº MT- 00042/2014 e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob protocolo Nº BR-00311/2014. 

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade