EDER MORAIS DECIDIU FALAR COM A IMPRENSA APóS MAIS DE OITO HORAS DE DEPOIMENTO NESTA QUINTA-FEIRA
15.08.2014

Eder Morais decidiu falar com a imprensa após mais de oito horas de depoimento nesta quinta-feira (14). Investigado pelo Ministério Público Federal sob a acusação de comandar um esquema de agiotagem que envolvia vários políticos de Mato Grosso, Eder se declarou totalmente inocente. “Quero olhar nos olhos da sociedade mato-grossense e afirmar que ‘Eder Morais’ não cometeu nenhuma irregularidade. Zero irregularidade”, disse.

Ele recebeu a liberdade no dia 08 de agosto, após 81 dias preso. Nesta quinta, ele depôs pela segunda vez. Para hoje (15) está previsto o depoimento de sua esposa, Laura Tereza Dias da Costa, que também é ré no processo. “Ela e eu temos um acordo: ela cuida da casa e dos filhos e eu cuido dos negócios”, disse ele, isentando a esposa.

O Ministério Público federal (MPF) continua avaliando o material recolhido durante a quinta fase da Operação Ararath, realizada em 29 de maio, que resultou na prisão de Eder e do deputado estadual José Riva (PSD), que saiu após dois dias e hoje é candidato a governador do Estado. Essa fase de análise deve ser encerrada até o fim de setembro.

Atualmente, os procuradores federais conduzem 11 inquéritos em caráter sigiloso com cerca de 200 pessoas investigadas nas mais variadas esferas dos poderes Executivo, Legislativo, Judiciário, Ministério Público e Tribunal de Contas.

O procurador Ronaldo Queiroz, que conduz os inquéritos, afirmou que já foram detectados mais de 70 crimes até agora. "Em Mato Grosso, tem crimes que são praticados de forma continu

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade