NORTãO: 3 SãO BALEADOS EM TIROTEIO ENTRE POLICIAIS E HOMEM QUE FEZ MULHER REFéM
03.09.2014

Um homem, 27 anos, foi baleado na perna esquerda e na mão durante uma troca de tiros com a Polícia Militar, ontem, em Colíder (160 quilômetros). Ele tentava fugir de um bar, na MT-320, onde seria realizada uma revista de clientes, em abordagem de rotina. Ao Só Notícias, o sargento Ney Ramão explicou que, momento antes, ele fez a proprietária (idade não confirmada) refém, baleou um cliente, 22 anos, no pé direito, além de uma funcionária, 21 anos, também foi atingida no tornozelo. Os três foram socorridos, levados ao hospital e estão fora de perigo. O sargento explicou que foi dada ordem de parada para o homem, que não teria obedecido. “Ele liberou a dona do estabelecimento e depois passou pela mureta para fugir. Foi dada ordem de parada, mas não obedeceu e fez disparos contra a polícia, que revidou. Acabou sendo atingido na perna esquerda e na mão, caiu, mas se levantou e correu de novo. Fomos socorrer as vítimas. Pouco depois nos informaram que havia caído em uma outra rua e pedia ajuda”. O revólver calibre 38 que usava foi apreendido com seis munições deflagradas. Ele foi socorrido e levado ao hospital. Conforme o policial, logo que foi iniciada as abordagens, o homem foi para o interior do bar e feito disparos contra um soldado (que não foi atingido). “Ele informou que o suspeito estava fazendo disparos. Enquanto entrava, ele fez mais outro quando eu o segui”, explicou. A proprietária acabou sendo feita refém com arma apontada para cabeça. “Ela ficou por alguns minutos nessa situação, mas não foi ferida. Ele atirava contra a polícia, mas não podíamos revidar porque utilizava a proprietária como escudo”, acrescentou. Ramão ainda afirmou que o cliente, 22 anos, foi atingido no banheiro pelo suspeito. “Talvez um disparo acidental dele, que o encontrou lá, mas isso ainda vai ser apurado”. As circunstâncias do ferimento da funcionária são investigadas. O sargento foi ao hospital, esta manhã, conversar com o suspeito. “Afirmou que estava alterado, que estava drogado, fora si. Mas a ocorrência foi registrada e  encaminhada à Polícia Civil para os devidos procedimentos”. O homem pode responder por tentativa de homicídio em relação aos policiais e os dois baleados.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade