PREçO DA CESTA BáSICA CAI EM 18 CAPITAIS PELO 2º MêS, DIZ DIEESE
04.09.2014

O preço da cesta básica diminuiu nas 18 capitais pesquisadas pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) entre julho e agosto, segundo pesquisa divulgada nesta quinta-feira (4). A maior queda foi registrada em Manaus, que registrou diminuição de 7,69% no preço. A menor baixa foi em Vitória, de 0,48% (veja mais na tabela abaixo).

A capital onde a cesta básica é mais cara, segundo o Dieese, é Florianópolis, onde está R$ 340,62. O segundo maior preço foi registrado em São Paulo, R$ 337,80. Já o menor preço é o de Aracaju, R$ 230,52, seguido pelo de Salvador, R$ 266,34.

Salário mínimo
O Dieese calcula qual deveria ser o valor do salário mínimo para suprir as necessidades básicas de uma família, levando em consideração o preço da cesta básica mais cara da lista. Considerando, então, a cesta de Florianópolis, a pesquisa aponta que o valor ideal do salário mínimo em agosto seria de R$ 2.861,55 – 3,95 vezes o mínimo em vigor, de R$ 724. Em agosto de 2013, o valor ideal estimado era de R$ 2.685,47 – 3,96 vezes o mínimo da época, R$ 678.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade