TRABALHADORES DOS CORREIOS DE MT ENTRAM EM GREVE
19.09.2014
Eles exigem aumento salarial, o fim dos contratos temporários e a realização de Concurso Público
Trabalhadores dos Correios cruzam os braços por melhorias trabalhistas/Foto: Divulgação
Trabalhadores dos Correios cruzam os braços por melhorias trabalhistas/Foto: Divulgação

Os trabalhadores do Correios de Mato Grosso entraram em greve nesta quinta-feira (18). Os funcionários reivindicam o fim dos contratos temporários, aumento salarial e realização deconcurso público

Apesar de o movimento ter sido deflagrado pelo Sindicato dos Trabalhadores dos Correios de Mato Grosso (Sintect-MT) ele ainda atinge parte da classe. Dessa forma, a greve acontece, por enquanto, em Cuiabá, Várzea Grande e Rondonópolis. No entanto, mais municípios podem aderir ao movimento nos próximos dias.

Para o aumento do salário, os trabalhadores reivindicam que os Correios acrescente o valor de R$200 nos ganhos mensais dos funcionários. Esse valor foi proposto como gratificação, mas os trabalhadores querem que ele seja acrescentado nos salários para ser embutido nos FGTS e INSS. 

Outra reclamação é com relação aos contratos temporários de seis meses. De acordo com o Sintect os contratos são precários, pois quando o trabalhador consegue aprender a função ele é demito em razão do término contratual.  Por conta disso eles exigem o fim desse vínculo trabalhista e a realização de Concurso Público

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade