ALUNA DA UFRRJ SOFRE TENTATIVA DE ESTUPRO NOS ARREDORES DA UNIVERSIDADE, EM SEROPéDICA
02.10.2014

RIO - Uma aluna da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ) foi atacada, na manhã desta quinta-feira, nos arredores do campus da instituição, em Seropédica. Em redes sociais, alunos relatam que ouviram gritos antes de uma jovem “cheia de sangue nas roupas e nas mãos” surgir de uma trilha próxima ao Instituto de Florestas, contando que havia sofrido uma tentativa de estupro e pedindo ajuda.

Segundo informações da Polícia Civil de Seropédica, a estudante passava por um atalho que liga uma ciclovia próxima ao campus à universidade, quando foi ameaçada pelo autor que teria 12 anos de idade e estava munido de uma faca. Ele tentou estuprá-la e chegou a roubar R$ 30 da vítima. Enquanto apresentava resistência, a jovem sofreu ferimento em um dos dedos das mãos, o que fez com que o autor se assustasse e liberasse a estudante. Ao receber a denúncia, policiais civis e militares fizeram buscas no local do crime, onde encontraram o autor e conseguiram recuperar o dinheiro roubado. A faca não foi encontrada.

De acordo com o delegado titular da 48ª Delegacia de Polícia de Seropédica, Paulo Roberto Freitas, o autor confessou o crime. Ele ainda aguarda a confirmação da idade, mas já adiantou que o menor será apresentado ao Ministério Público, para que seja decidida a apreensão dele. Freitas relatou ainda que o menor já foi acusado por outro crime semelhante e uma terceira mulher será ouvida na delegacia, pois há suspeitas de que ela também tenha sido vítima dele.

- Esta apreensão é muito importante, pois a notícia se espalhará rapidamente - diz, sobre como a ação deve servir de alerta para outros criminosos. - Estou aqui há oito meses, então, não posso dizer se esse tipo de crime está aumentando. Mas, na maioria dos casos que somos notificados, conseguimos encontrar os autores e tomar as providências cabíveis.

A vítima de 20 anos não teve a identidade revelada. Após o ocorrido, deitada na ambulância, ela conta que estava indo para a aula, por volta das 10h, quando foi abordada por um homem de casaco azul que estava segurando uma faca. Segundo ela, o rapaz gritou dizendo que iria estuprá-la, e tentou agarrá-la.

- Estava indo para a aula quando vi esse cara com uma faca na mão ameaçando me estuprar. Eu ainda ofereci dinheiro, mas ele disse que não queria. Fiquei empurrando, mas ele chegou a encostar a faca na minha barriga e abaixar as calças dele.

Toda a ação durou cerca de 20 minutos, até o momento em que policiais tentaram abordar o rapaz, dando início à perseguição pela a mata.

 

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade