COMOçãO MARCA VELóRIO DE PM QUE ERA SEGURANçA DO FILHO DO GOVERNADOR
07.02.2015

O governador Wellington Dias participou do velório do policial militar Francisco das Chagas Nunes, 43 anos, assassinado com dois tiros ao reagir a uma tentativa de assalto na noite de sexta-feira (6), no bairro Ininga, Zona Leste de Teresina. A vítima trabalhava há 10 anos como segurança da família e acompanhava o filho do governador, Vinícius Dias. Comovido, Wellington disse que com a dor da perda também vem a indignação.

“Como qualquer pai, sentimos muita dor. Reconheço que a dor maior é da esposa dele e dos filhos que perderam seu ente querido. Todos nós estamos orando e pedindo a Deus que dê muita força. Como ser humano, isso nos traz muita indignação, muita tristeza e, ao mesmo tempo, muita responsabilidade. Por isso fiz um decreto de emergência da grave situação que vive o Piauí”, disse o governador.

Ainda de acordo com Wellington Dias, não há sistema perfeito na segurança, mas medidas para combater a violência já estão sendo tomadas. “Não há sistema perfeito na área de segurança, infelizmente. Temos muitas situações graves como a carência de pessoal, por isso estamos mais chamando mais policiais. Não é demais lembrar que esses criminosos foram presos mais de três vezes, e isso mostra que nosso sistema tem falhas que precisam ser corrigidas”, falou.

Francisco da Chagas era segurança de Wellington há 10 anos (Foto: Reprodução/Facebook)Francisco da Chagas era segurança de Wellington
há 10 anos (Foto: Reprodução/Facebook)

Segundo o delegado Francisco Costa Barêtta, Vinícius Dias e mais algumas pessoas tinham ido à residência de um amigo, quando foram abordados por dois homens, um deles armado. Outros dois suspeitos davam apoio em um veículo. O policial militar dirigia o veículo quando reagiu ao assalto e houve troca de tiros. Ele foi atingido nas costas e morreu no local.

O velório de Francisco das Chagas Nunes teve direito a honras militares e o corpo será enterrado na cidade de Presidente Dutra (MA), de onde ele e sua família são naturais. Francisco tinha três filhos e era casado.

Na manhã deste sábado (07), a assessoria de comunicação do governador divulgou uma nota informando que o governo prestará assistência à família e que vai combater a situação da violência no estado.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade