PRESO HOMEM QUE MATOU DOIS E FERIU OUTROS DOIS; POLíCIA CRê EM HOMOFOBIA
13.02.2015

 

Preso homem que matou dois e feriu outros dois; polícia crê em homofobia
Preso na manhã de hoje, 12, Adão Vicente da Silva, 38 anos, por duplo assassinato e também por dupla tentativa de homicídio.  A prisão foi realizada na comunidade rural Paraiso do Manso, em Chapada dos Guimarães (67 km de Cuiabá). Silva é apontado pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) como o responsável pela morte de Robson Souza Almeida, 21, conhecido por "Gabi", e Denise Ribeiro da Silva, 26. O crime foi registrado em 6 de outubro de 2012 e tem conotação homofóbica.

Leia Mais: 
Policial do Bope evita assalto a sua casa, troca tiros com ladrões e deixa um baleado

De acordo com a Polícia Civil, os crimes foram registrados durante uma briga generalizada no bar da ‘Jebi’, no bairro Novo Paraíso, em Cuiabá. Duas pessoas foram mortas a facadas e deixou mulher, que era namorada da vítima Denise, e do cunhado do suspeito.   
 
Ainda conforme as investigações, as vítimas eram homossexuais e o autor teria fica com ciúmes pelo fato de sua companheira  está sendo assediada pela mulher, que sobreviveu a tentativa de homicídio.

"O autor negou, mas o fato é que a uma das mulheres era homossexual e namorada da vítima de Denise, que informou em depoimento, que o suspeito tinha preconceito da sua orientação sexual", disse o delegado Andre Renato Gonçalves. 

Segundo o delegado, o inquérito policial foi concluído em novembro de 2012, mas o autor continuava foragido. A prisão integra a operação "Sicários", da Polícia Judiciária Civil, que visa concluir 200 inquéritos de homicídios e latrocínios e prender autores dos crimes, que estão foragidos.
COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade