POPULAçãO DE MS ESTá ENTRE AS QUE MAIS SE ALIMENTA MAL NO PAíS
23.02.2015

A população do Estado aparece como a que mais consome carne ou frango com excesso de gordura no País.

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou a Pesquisa Nacional de Saúde, realizada em 2013 e que mostra que os hábitos alimentares em Mato Grosso do Sul se destaca entre os piores do País. Prevalência do consumo de carne com gordura, excesso de sal e substituição de refeições por fast food estão acima da média nacional no Estado.

A população do Estado aparece como a que mais consome carne ou frango com excesso de gordura no País, 55,7% das pessoas de 18 anos de idade ou mais. Também elevado índice de pessoas consumindo leite com teor integral de gordura, 60,7%; é a terceira Unidade da Federal que mais consome refrigerante com regularidade, neste caso 29,9% da população; está acima da média nacional de pessoas que substituem regulamente pelo menos uma refeição por sanduíches, salgados ou pizzas (7,3%) e é o quarto com maior proporção dos que admitem consumo elevado de sal, 17,6% da população adulta. Por outro lado, o Estado aparece como o segundo do País com menos consumo de peixe, só 33,2% dizem consumir a carne de peixe pelo menos um dia por semana.

Para a nutricionista Michelli Dádamo, assessora técnica em Nutrição do Sesc MS, alguns pontos podem ser destacados como o conceito prévio de que uma alimentação saudável é menos saborosa, a facilidade para consumo de alimentos industrializados/prontos e comidas tipo “fast food” aliada a “falta de tempo” para o preparo e o cuidado com a alimentação, assim como os modismos que estimulam dietas restritivas sem uma oferta adequada de nutrientes sem considerar as necessidades e características de cada indivíduo.

“Atualmente há muitas informações no campo da alimentação e nutrição, o que tem colaborado para que as pessoas estejam mais conscientes da importância da alimentação para a saúde, porém é preciso cautela ao interpretar as informações e sempre buscar por profissionais habilitados e por fontes seguras, uma vez que orientações equivocadas contribuem para o consumo inadequado de alimentos. O equilíbrio na quantidade e qualidade dos alimentos, a preferência por alimentos mais frescos e naturais em detrimento aos industrializados, com menos gordura, açúcar e sódio aliados a prática de atividade física são recomendações importantes para quem quer adquirir hábitos de vida mais saudáveis e que se adotados podem colaborar para reverter os índices apresentados na pesquisa”, diz a nutricionista.

Visando contribuir para a melhoria dos hábitos alimentares da população, o Sesc MS oferece o serviço de Consultas Nutricionais, mediante agendamento prévio, nas unidades Camillo Boni, em Campo Grande e também em Dourados e Três Lagoas, ofertando um atendimento nutricional personalizado, com elaboração de um plano alimentar condizente com o diagnóstico nutricional observado, permitindo a prevenção, melhoria e/ou recuperação da saúde. É fundamentado por uma avaliação nutricional criteriosa realizada por meio de anamnese clínica e alimentar, avaliação da composição corporal, avaliação bioquímica e informações relevantes a história clínica de cada indivíduo.

“O plano alimentar é elaborado com orientações individualizadas para que a pessoa possa atingir seus objetivos a curto e longo prazo”, explica a nutricionista. O atendimento é destinado ao tratamento de doenças relacionadas a alimentação como obesidade, diabetes, hipertensão, anemia, dentre outras e também ás pessoas sem patologias associadas mas que buscam por uma alimentação mais adequada ao seu estilo de vida.

O Sesc Camillo Boni está localizado na Avenida Afonso Pena, 3.469, no Jardim dos Estados. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (67) 3311 4300. O Sesc Dourados está na Rua Toshinobo Katayama, 178, Centro. O telefone para mais informações é o (67) 3410-0700. Em Três Lagoas o Sesc está localizado na Rua Elmano Soares, 854 – Centro. O telefone é  Rua Elmano Soares, 854 - Centro, Três Lagoas - MS, 79602-020 (67) 3521-7600.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade