UNIVERSITáRIOS FICAM FERIDOS APóS ôNIBUS ‘RAMPAR’ EM QUEBRA-MOLAS
06.03.2015

Motorista não viu o quebra-molas em razão da falta de sinalização na rodovia Guaicurus, em Dourados.

Três universitários ficaram feridos após o ônibus que em que estavam ‘rampar’ em um quebra-molas da rodovia Guaicurus, em Dourados, a 226 quilômetros de Campo Grande. Uma das vitimas, identificada como Michele Ribeiro, foi lançada contra o teto do veículo e teve um corte na cabeça.

De acordo com o site Dourados Agora, o ônibus da empresa Medianeira Transportes fazia a linha Cidade Universitária e transportava acadêmicos da UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados) e da UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul).

Os estudantes narraram que com o acidente aqueles que não seguravam foram atirados contra os outros, caíram e até bateram nas laterais e corrimão do ônibus. Dois estudantes se feriam sem gravidade, apresentando pequenas escoriações e dores pelo corpo.

Já Michele, que estava sentada no último banco do ônibus, foi arremessada contra o teto e precisou ser encaminhada para o hospital em virtude a um corte na cabeça. A estudante levou 20 pontos. Depois de quatro horas esperando a autorização da empresa do ônibus, a jovem também passou por exames.

Segundo a empresa de transporte, o motorista não viu o quebra-molas em razão da falta de sinalização na Guaicurus, que está com as obras paralisadas e da chuva que caia no momento do acidente. Conforme o gerente da Medianeira Transportes, Marcelo Saccol, a falta de sinalização da via também resultou o incidente.

Obras

Depois que Reinaldo Azambuja assumiu o governo do Estado, o trabalho de duplicação da rodovia começou a ser executado de forma lenta. Os recursos da obra foram cancelados no final de dezembro, antes de André Puccinelli deixar o governo, mas Reinaldo decidiu retomar os serviços, após certificar a importância da duplicação da Guaicurus.

O servidor público Franz Mendes, da comissão duplicação pró-Guaicurus, disse que semana que vem se reunirá com a equipe da Agencia Estadual de Gestão de Empreendimentos (Agesul), responsável pelas obras. Entre as reivindicações de melhorias, ele vai pedir sinalização na via. Essa não é a primeira vez que ele apela ao órgão para pedir mais atenção às obras.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade