TAQUES AFIRMA QUE PROCURA SOLUçãO NãO Só PARA FETHAB, MAS PARA TODOS OS FUNDOS
11.03.2015

Após receber duras críticas por ter utilizado verbas do Fundo Estadual de Transporte e Habitação (Fethab) para repassar ao Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), o governador Pedro Taques (PDT) afirmou que sua equipe busca uma solução para resolver os problemas de desvio de finalidade e a situação de outros fundos.

“Esquecem que só temos 60 dias de governo. Queremos resolver a questão do Fethab. Por isso criamos uma comissão técnica para estudar uma solução. E nós não vamos resolver só o problema do Fethab, vamos resolver o problema de todos os fundos, que ocupam mais de 30% da receita corrente líquida do Estado”, pontuou.

A ação do pedetista de usar verbas do Fethab para outra finalidade vai contra o discurso utilizado durante a campanha eleitoral de 2014. Contudo, Taques ressaltou que a transferência de verba foi um repasse legal para completar o duodécimo do TJMT.

Divisão do Fethab

O governador também afirmou que entende e respeita o pleito do presidente da Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM), Neurilan Fraga (PSD), pela divisão do Fethab com os municípios. No entanto, ele questiona se esse realmente é o melhor caminho para o Estado. “Talvez a pergunta que devamos fazer é: Esse dinheiro é suficiente?”, questionou.

A lei que rege a divisão de 50% do Fethab entre todos os municípios de Mato Grosso está suspensa por força de decisão judicial em caráter liminar, solicitada pela Associação dos Produtores de Soja (Aprosoja). 

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade