SEPLAN ELABORA SEGUNDA ETAPA DO PLANO PLURIANUAL
18.03.2015

A segunda etapa de elaboração do Plano Plurianual (PPA) 2016-2019, pela Secretaria de Estado de Planejamento (Seplan), teve início nesta semana. Por um mês, técnicos de todos os órgãos e instituições do governo irão definir os programas e ações que serão desenvolvidos nos próximos quatro anos para atingir os resultados planejados pelo governador Pedro Taques e secretários de Estado.

 


Participam das oficinas aproximadamente 700 técnicos, sendo 146 responsáveis pela coordenação. “O volume de ações determinado irá variar conforme a capacidade financeira e de operacionalização de cada órgão e instituição”, afirma o secretário de Planejamento, Marco Marrafon.


O Plano Plurianual representa o documento base que orienta as ações de governo, constituindo-se no instrumento legal de planejamento público de médio prazo que explicita diretrizes, metas e objetivos ambicionados pelo governo no período de sua gestão.


A primeira etapa de elaboração do PPA foi realizada em fevereiro e fixou os objetivos que deverão ser alcançados em todas as áreas e as estratégias adotadas para isso. Nesta segunda etapa, serão definidos os programas e ações que o governo deverá colocar em prática para garantir a concepção desses objetivos.


“Um dos objetivos pretendidos pelo governo, por exemplo, é reduzir a criminalidade. Uma estratégia para isso é fazer com que a polícia esteja presente nas ruas. Mas, para que a polícia esteja presente, é necessário adotar uma série de ações, como adquirir um número maior de viaturas. Para garantir recursos financeiros suficientes para a execução dessas ações, tudo isso deverá constar no PPA e, posteriormente, na Lei Orçamentária Anual (LOA)”, explica o superintendente de Planejamento da Seplan, José Bussiki Figueiredo.

 


Compromisso com o cidadão - As orientações estratégicas são construídas com base no Plano de Longo Prazo de Mato Grosso, que traça o cenário para os próximos 20 anos, e no plano de governo apresentado à sociedade pelo governador Pedro Taques, dividido em cinco eixos - “Estado Parceiro e Empreendedor”, “Cidades para viver Bem: Municípios sustentáveis”, “Educar para transformar e emancipar o cidadão”, “Viver Bem” e “Gestão eficiente, transparente e integrada”.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade