CPIS DA SONEGAçãO E DO VLT TêM INíCIO ESTA SEMANA NA ASSEMBLEIA
30.03.2015

As duas primeiras Comissões Parlamentares de Inquérito (CPI) desta legislatura serão instaladas esta semana na Assembleia Legislativa. A primeira será a CPI da Sonegação, que investiga fraudes e renúncias fiscais, cuja instalação será na tarde de hoje, na Sala das Comissões.

Na terça-feira (31), será a vez da CPI do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT), que investigará as obras da Copa em Cuiabá e Várzea Grande. A reunião está marcada para as 9h, no auditório Milton Figueiredo. Com isso, falta ter início apenas a CPI das Organizações Sociais (OS), que já está autorizada, e vai investigar os contratos de terceirização da saúde de Mato Grosso.

Leia mais:
CPI da Sonegação deve ser instalada na segunda; indefinições persistem

A CPI da Sonegação deve ter duas sub-relatorias: a primeira com a responsabilidade de apurar as renúncias fiscais do Estado, enquanto a segunda deve investigar a sonegação fiscal por meio de fraudes. A primeira reunião deve ter a presença dos deputados titulares e suplentes da CPI, para escolha oficial do presidente – que será José Carlos do Pátio (SD), autor da proposta – e dos relatores, além de definir a condução dos trabalhos.

São membros da comissão Max Russi (PSB), Wancley Carvalho (PV), Gilmar Fabris (PSD) e Wilson Santos (PSDB), José Domingos Fraga (PSD), Emanuel Pinheiro (PR), Coronel Taborelli (PV), Zeca Viana (PDT) e Silvano Amaral (PMDB).

A CPI do VLT também será dividida em sub-relatorias. São elas: obras de mobilidade urbana, conjunto de obras do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT), e outras obras da Copa, como a reforma e ampliação do Aeroporto Marechal Rondon e o Centros Oficiais de Treinamento (COT).

O presidente da comissão será o deputado Oscar Bezerra (PSB) e o relator será o deputado Mauro Savi (PR). Os outros três membros titulares, Wagner Ramos (PR), Dilmar Dal’Bosco (DEM) e Silvano Amaral (PMDB), vão dividir as sub-relatorias.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade