DóLAR SOBE NESTA SEGUNDA E VOLTA A FECHAR ACIMA DE R$ 3
04.05.2015

Depois de fechar acima dos R$ 3 na última sessão de abril, o dólar terminou o primeiro dia útil de maio em alta e se manteve acima desse patamar. A alta foi reforçada após o Banco Central sinalizar que deve diminuir seu programa de interferência no câmbio em junho. A sessão também foi marcada por pessimismo no cenário interno e dados fracos sobre a atividade industrial na China, reforçando perspectivas de que Pequim adotará em breve novos estímulos à economia do país.

Nesta segunda-feira (4), a moeda norte-americana subiu 2,24% frente ao real, cotada a R$ 3,0807 na venda. Veja a cotação. Nas três sessões anteriores, o dólar acumulou avanço de 3,13%, segundo a Reuters.

Dólar nos últimos dias
Veja a variação da moeda norte-americana por data
2,9552,92172,94222,95743,01313,0807cotação24/0427/0428/0429/0430/0404/052,92,9533,053,1
Gráfico elaborado em 04/05/2015

Segundo a Reuters, o BC sinalizou que deve rolar apenas parcialmente os swaps cambiais que vencem em junho, mesmo diante da forte alta da moeda norte-americana nas três sessões passadas.

Além disso, o boletim Focus desta segunda apontou que as previsões para a economia brasileira voltaram a piorar. Os economistas aumentaram sua estimativa para o crescimento da inflação neste ano, ao mesmo tempo em que vêem um "encolhimento" ainda maior do PIB em 2015. A previsão de aumento da taxa de juros também foi ampliada.

A expectativa é de que a inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) fique em 8,26% neste ano – na semana anterior, a taxa esperada era de 8,25%. Se confirmada, a previsão do mercado para a inflação de 2015 atingirá o maior patamar desde 2003, quando ficou em 9,3%.

O dólar terminou abril cotado a R$ 3,0131 na venda. No mês, houve queda de 5,57%. Segundo a Reuters, essa foi a primeira queda mensal depois de sete meses de valorização. Já na semana passada houve alta de 1,97%. No ano, há valorização acumulada de 15,87%.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade