VOVó DO TRáFICO' é PRESA EM MT POR USAR RESTAURANTE PARA VENDER DROGAS
03.06.2015

Uma idosa de 72 anos foi presa nesta segunda-feira (1º) suspeita de tráfico de drogas no Distrito de Nova União, em Cotriguaçu, a 920 km de Cuiabá. De acordo com a Polícia Militar, a idosa montou um restaurante na cidade e o usava de fachada para poder comercializar a droga. Ela está detida na Polícia Civil e aguarda por vaga no sistema prisional da região norte de Mato Grosso.

Segundo a PM, a idosa morava em Colniza, a 1.065 km de Cuiabá e se mudou para Cotriguaçu, cidade vizinha ao município anterior. Ela abriu um restaurante na região central da cidade, porém, levantou suspeita da polícia pela grande concentração de dependentes químicos que frequentavam o local, tanto aberto ou fechado para os clientes. Os policiais verificaram que ela conseguia se manter no comércio mesmo sem ter lucro no estabelecimento.

“Ela já traficava na cidade de Colniza, mas saiu de lá depois que chamou a atenção da polícia local. Ela montou um restaurante na avenida central, no entanto, não fazia sentido, pois pagava aluguel de R$ 1,2 mil, pagava uma funcionária e não vendia mais que dois almoços por dia. O restaurante era de fachada, funcionava como uma ‘boca’ de fumo”, relatou ao G1 o sargento da PM, Miguel de Melo.

Os policiais abordaram a idosa quando ela chegava ao município de Colniza. Com ela a PM encontrou 42 porções de pasta base de cocaína e uma quantia em dinheiro. Conforme a PM, a idosa é casada, porém, o marido não teria conhecimento do tráfico de drogas.

A idosa foi presa e encaminhada para a Polícia Civil. Na delegacia ela confessou que traficava pequenas porções de droga no restaurante. Segundo os policiais civis, a idosa disse que vendia entorpecente porque não tinha dinheiro e queria comprar uma casa. A suspeita relatou que fazia isso há seis meses.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade