EX-PREFEITO QUE MATOU ANDARILHO A TIRO EM ARENáPOLIS é PRESO
16.06.2015

O ex-prefeito de Arenápolis (258 km a Médio-Norte) José Carlos Biato foi preso na manhã desta segunda-feira 15 acusado do homicídio de um andarilho dentro de um posto de combustíveis da sua propriedade.

Hoje empresário e fazendeiro, Biato foi indiciado pelo crime de homicídio qualificado por motivo fútil e por recurso que dificultou a defesa da vítima.

O trabalho integra o planejamento da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp) para reduzir os índices de homicídio no interior do Estado.

O crime, que vitimou o andarilho Jeanderson da Silva, aconteceu por volta das 22 horas, do dia 07 de junho, no posto Lukatan de propriedade do suspeito.

A vítima era um andarilho que perambulava pelas ruas de Arenápolis e região.

No dia do crime, a vítima foi até o posto de combustíveis para tomar banho e ficou por alguns minutos parado ao lado do caixa do estabelecimento, fato que assustou a atendente e o vigia do local.

A atendente ligou para o gerente do posto, que disse que não poderia ir até o local, naquele momento, então ela decidiu ligar para o dono do posto, que poucos minutos depois chegou ao estabelecimento.

O andarilho estava tomando banho no banheiro do posto, quando o empresário entrou e efetuou o disparo de arma de fogo, que atingiu a região cervical da vítima, no momento em que ela saía do chuveiro.

Logo após a execução, o empresário deixou o local. A vítima foi socorrida e levada ao Hospital de Nortelândia e posteriormente encaminhado ao Pronto Socorro de Cuiabá, onde não resistiu ao ferimento e morreu.

Diante dos fatos, o delegado Carlos Frederico Regis de Campos, representou pela prisão preventiva do empresário, deferida pela Justiça e cumprida na quinta-feira (11), no Hospital Bom Jesus, em Cuiabá, onde o acusado está fazendo um tratamento de saúde.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade