EMPRESáRIOS DENUNCIAM ESTELIONATáRIO POR GOLPE SUPERIOR A R$ 2 MILHõES
09.07.2015

Empresários da região Norte de Mato Grosso estão registrando boletins de ocorrências na Polícia Civil, denunciando um suposto estelionato, que estaria sendo praticado por um ‘negociante de gado’. Os levantamentos extraoficiais apontam um golpe superior a R$ 2 milhões, aplicados em Sinop, Matupá, Colíder e Tabaporã. O denunciado é Francisco das Chagas de Faria Fortunato, de 45 anos.
 
Um dos que teve prejuízo foi o empresário sinopense Sílvio Lopes de Moraes. Ele denunciou que perdeu R$ 31 mil no golpe. Francisco vendeu uma boiada para Sílvio, mas no momento de carregar os animais, o lote não foi localizado. E muito menos o vendedor. “Era para carregar o gado em Colíder, mas quando chegamos lá não havia mais nada”, disse, ao Olhar Direto.

Leia também:
Traficante é preso em condomínio de luxo e PF apreende 11 caminhonetes e dois aviões
 
Conforme Sílvio, o negócio total dele com Francisco foi de R$ 296 mil. Além do pagamento à vista, foram entregues 14 cheques pré-datados. Mas o denunciante informou que, após ter percebido que caíra em um golpe, ele sustou os cheques. Ainda assim está com prejuízo de R$ 31 mil.
 
Outro que caiu no golpe foi um pecuarista por nome de Arlei. Este vendera uma boiada a Francisco e recebera com três cheques pré-datados, de R$ 21 mil cada, emitidos por Sílvio. Depois que os animais foram carregados, Arlei procurou Sílvio para informar que havia pegado os cheques no negócio, mas foi avisado que as folhas estavam sustadas devido ao estelionato.
 
Quem também registrou uma notícia-crime contra Fortunato foi a locadora de veículos Yes, de Sinop. O representante da empresa informou, na delegacia, que Francisco alugara uma caminhonete Chevrolet S-10 e um Fiat Uno, em dezembro de 2014. Nos meses seguintes, o denunciado pagou, com certo atraso, as mensalidades do aluguel. Porém, desde junho ele não paga mais a locação e mudou-se de endereço, levando os dois veículos.
 
“Fomos até a sua residência, mas para nossa surpresa, constatamos que ele não residia mais no local. Ao que tudo indica, o noticiado empreendeu fuga da cidade levando consigo os veículos da empresa”, diz a notícia-crime da Yes locadora registrada na Polícia Civil.
 
O denunciado por estelionato é natural do Estado do Rio Grande do Norte e residia, até há pouco tempo, em Iturama, Minas Gerais. Em 2011, ele foi denunciado em um processo-crime na 3ª Vara da Justiça Federal em Porto Velho (RO), em ação penal movida pelo Ministério Público Federal (MPF), por falsificação de documento público.
 
Olhar Direto tentou contato com Francisco, nos dois telefones informados por ele, aos lesados pelos golpes. Mas as várias ligações feitas na tarde de quarta-feira e na manhã de hoje, foram encaminhadas para a caixa postal.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade