POLíCIA ACREDITA QUE ATAQUE A ESTUDANTE TENHA MOTIVOS PASSIONAIS
26.08.2015

Policiais civis que investigam o ataque sofrido pela estudante de Administração Sirene Luzia Correa, 31 anos, que teve o rosto atingido por tinta a base de óleo durante sua colação de grau, na noite desta terça-feira (25), acreditam que os crimes de injuria real e lesão corporal grave aconteceram por motivos passionais. 

De acordo com o delegado Rogério da Silva Ferreira, que fazia o plantão na 2ª Delegacia do Carumbé, a primeira linha de investigação é a de crime passional. Ele chegou a ouvir de forma preliminar a vítima. “Já ouvimos preliminarmente a vítima e tudo indica que o ataque foi motivado por alguma vingança ou coisa do tipo”, disse.

Ainda conforme o delegado, não há muitas informações sobre quem teria cometido o ataque, mas testemunhas serão ouvidas para identificar o agressor, que poderia ser preso em flagrante pelo delito sem o direito de pagar fiança. “Estaremos ouvindo familiares e colegas da estudante para sabermos como e quem é a pessoa que jogou a tinta nela. Caso o agressor fosse preso em flagrante, ele seria autuado por injuria real, lesão corporal grave e não teria o direito de pagar fiança”, explicou.

Nesta quarta-feira, as imagens do circuito interno de segurança do salão de festa do hotel foram recolhidas e estão sendo analisadas. O caso está sendo investigado pela Delegacia Distrital do Coxipó.

ATAQUE

O ataque a acadêmica aconteceu por volta das 20h, minutos antes de ela colar grau em uma cerimônia no salão de festas do Hotel Fazenda Mato Grosso, na região do Coxipó. Conforme o boletim de ocorrência, a moça foi chamada pelo nome por uma mulher negra, que jogou aproximadamente 500 ml de tinta em seu rosto, atingindo boca, olhos e cabelo.

Encaminhada até a policlínica do Coxipó por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), a vítima foi diagnosticada com queimaduras de 1° grau e intoxicação por ter ingerido a tinta a base de óleo. Ainda conforme o documento, é relatado que a estudante provavelmente vai ter que raspar o seu cabelo para retirar o restante de tinta.

Pouco antes de sofrer o ataque, a estudante postou uma foto usando a beca no hotel, dizendo estar muito feliz por ter conquistado seu objetivo.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade