PAI DE JORNALISTA E FRENTISTA SãO ASSASSINADOS A TIROS POR PISTOLEIROS EM CAMINHONETE
14.09.2015

Pai de jornalista e frentista são assassinados a tiros por pistoleiros em caminhonete

Cícero Medeiros e um frentista, identidade ainda não confirmada, foram assassinados na noite deste domingo (13), na zona rural de Poconé (104 km de Cuiabá). Cícero é pai da jornalista Andréia Medeiros, que atua como assessora de imprensa do Ministério Público Estadual (MPE) e também foi secretário de Obras de Chapada dos Guimarães. Os dois estavam em uma residência quando ocupantes de uma caminhonete chegaram atirando contra os dois. Cícero havia denunciado uma quadrilha de roubo de gado da região.

Leia mais:
Mulher é presa no aeroporto após ‘calote‘ por corrida de táxi no valor de R$ 590

De acordo com as informações do site Poconet Notícias, a Polícia Militar foi acionada por um morador por volta das 21 horas. Foi ele quem informou sobre o duplo assassinado ocorrido na Zona Rural de Poconé (vila de moradores que fica a cerca de 200 metros da localidade conhecida por Posto 120, às margens da BR-070).
 
A Polícia Civil confirmou que uma equipe encontra-se no local e o delegado Olímpio Fernandes é o responsável pelo atendimento da ocorrência.
 
Segundo as informações preliminares, uma caminhonete chegou na frente da casa em que as vítimas estavam e os ocupantes dispararam vários tiros. As policiais Rodoviária Federal (PRF), Militar (PM) e Civil (PC) estão trabalhando de forma integrada para tentar identificar os criminosos.
 
Uma das hipóteses que foi levantada pela polícia, é que a morte de Cícero tenha a ver com uma denúncia que ele fez contra uma quadrilha de roubo de gado da região. Ele recebia diversas ameaças e o crime pode ter sido em retaliação. Vale ressaltar que o crime de roubo de gados tem se tornado comum na região.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade