GOVERNO RECEBE MINISTRAS DA NORUEGA E DO MEIO AMBIENTE
17.09.2015

Nos últimos 10 anos, Mato Grosso reduziu 5,2 milhões de hectares do desmatamento ilegal, o que equivale a 91% da área entre 2004 e 2014, conforme o Instituto Nacional de Pesquisa Espacial (Inpe). Em números, isso representa uma queda de 11.814 km² para 1.048 km². Paralelamente, a taxa média de crescimento da produção agrícola e da área plantada cresce em ritmo médio de 10% ao ano, destacando-se em cenário nacional e internacional. Para tratar dos desafios de manter os índices de desmatamento em declínio, promover inclusão social e ao mesmo tempo acelerar o crescimento econômico, o governador Pedro Taques receberá nesta quinta-feira (17) a ministra de Clima e Meio Ambiente da Noruega, Tine Sundtoft, a embaixadora da Noruega, Aud Marit Wiig, e a ministra do Meio Ambiente (MMA), Izabella Teixeira, no Palácio Paiaguás.

Pedro Taques, que tem se reunido com os demais governadores dos estados da Amazônia Legal para a formação de um bloco político que faça frente às demandas da região junto ao Governo Federal, pontua que é importante Mato Grosso obter visibilidade internacional em razão do trabalho já desenvolvido de preservação ambiental. Ele destaca que 60% do território de Mato Grosso hoje estão preservados, o que equivale à área da Espanha e de outros países da Europa, um trabalho que precisa ser reconhecido e valorizado. “Neste momento é importante que tenhamos acesso a recursos internacionais para ações que vão além de comando e controle, ou seja, de fiscalização e punição. Também temos que assegurar a redução do desmatamento com inclusão social, ao potencializar as atividades produtivas sustentáveis. Temos atualmente 109 mil famílias de assentamentos rurais que precisam ser incluídas nesse processo”. 

O evento será realizado no Salão Nobre Cloves Vettorato, das 9h às 12h, a partir da união de esforços de várias secretarias de Estado, entre elas Meio Ambiente (Sema), Agricultura Familiar e Regularização Fundiária (Seaf) e Gabinete de Desenvolvimento Rural. A primeira palestrante do workshop, a secretária Ana Luiza Peterlini, apresentará os dados do desmatamento, com destaque para a manutenção do desenvolvimento econômico do Estado de maneira sustentável. “A missão do Estado hoje é avançar mais, diminuindo ainda mais o desmatamento ilegal, porém, mantendo o ritmo de produção que é um dos maiores do país. Paralelamente, é preciso promover as cadeias produtivas na agricultura familiar.” 

Também participarão do evento parceiros na execução de diversos programas e projetos, como Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia (Ipam), Earth Innovation Institute, Althelia Climate Fund, Grupo Amaggi, Marfrig Global Foods, Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja) e Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Mato Grosso (Famato). A previsão é que as ministras da Noruega, Tine, e do MMA, Izabella, façam seus pronunciamentos às 11h e 11h15, respectivamente. 

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade