COM PETISCOS DE JACARé E LíNGUA DE BOI, PRIMEIRO BAR DA ORLA UNE CLIMA 'PRAIANO' A TRADIçãO REGIONAL
27.01.2017

O último a ser licitado pela Prefeitura e o primeiro a ser inaugurado: o Jacá Pier Bar, localizado na Orla do rio Cuiabá, no bairro do Porto, levou apenas 40 dias para ficar pronto. A agilidade pode ter vindo da experiência dos proprietários, Nacif Sírio, 32, e Junior Cortez, 42. Os dois são primos e, separadamente, criaram o Money Money, a Cortez Grill e o Anauê. Hoje, administram o mais novo negócio, que une o ar praiano com as tradições de Cuiabá. 

Leia também:
Com 35 anos de história, Frutaria Marília abre unidade na orla do Porto e movimento aumenta 140%

A ideia de abrir um bar na Orla surgiu exatamente quando viram o edital de licitação. “Eu estava morando fora, nos Estados Unidos, voltei e vi o edital. Aí convidei meu primo para entrar no projeto”, lembra Junior. Nacif aceitou de pronto, e os dois encararam o desafio de construir o empreendimento no terreno mais afastado da Praça Luiz Albuquerque (a “Praça do Porto”). 


Nacif e Junior, proprietários do Jacá (Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto)

“Ninguém queria ficar aqui, porque era mais longe do Aquário, da Praça, enfim. Mas a gente acreditou, exatamente por isso. É a primeira pra quem vem de lá [da Avenida Miguel Sutil], e é ao lado da escadaria”, afirma Nacif. 

Pouco mais de um mês após a inauguração, os dois têm certeza de que estavam certos. Semanalmente, o ‘Jacá Pier Bar’ chega a atender duas mil pessoas, sendo 400 somente nos sábados. Para eles, o diferencial está no atendimento, na qualidade, e no preço: “Não cobramos taxa de serviço nem couvert”, explicam. Apesar disso, de quarta a sábado o bar oferece música ao vivo aos clientes. 

No cardápio a cuiabania chama a atenção. Existem opções de petiscos de carne de jacaré, de tilápia e até mesmo de língua de boi. Os tradicionais filés de pacu e pintado não ficam de fora, e para os que quiserem uma refeição completa, existem ainda os ‘pratos bistrô’. 

As bebidas também são um diferencial à parte. Nacif e Junior decidiram trazer especialidades diretamente de Vila Bela da Santíssima Trindade, primeira capital de Mato Grosso, como o canjinjin, o leite de onça, a tequila do Pantanal, a pinga de alambique e até mesmo o peculiar “esquenta xereca”. 

“Quisemos misturar esse clima parecido com a beira da praia, mas com o rio, ou seja, com o toque regional”, explicam os sócios. Para isso, além do cardápio, eles investiram na decoração, com fotos do Porto antigo, nos uniformes com dizeres típicos do ‘cuiabanês’ e até mesmo no nome do bar. “Jacá é o nome de um cesto de taquara ou cipó usado para armazenar peixes na beira do rio”, explica Junior, que teve a experiência de ver seu pai usando o Jacá durante a infância. 


Jacá (Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto)

“O Jacá é um bar informal, para a pessoa vir, conversar, tomar uma cerveja e curtir na beira do rio”, explicam os sócios. O bar funciona de segunda a sexta das 17h às 00h, e aos sábados a partir das 11h até 1h da madrugada. 

Serviço


Jacá Pier Bar
Avenida Manoel José de Arruda, Orla do Porto, 600
Horário: das 17h às 00h – Sábados das 11h à 1h

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade