PRESO PADRASTO POR ESTUPRO DE MENINA DE 11 ANOS EM CIDADE DO INTERIOR DE MT
12.04.2017

Um homem investigado pelo crime de estupro de vulnerável contra a enteada de 11 anos foi preso pela Polícia Civil, na segunda-feira (10), no município de Jaciara (144 km ao Sul). O encarregado de obra, de 35 anos, foi preso força do mandado de prisão preventiva, decretado pelo juízo da Comarca de Jaciara, por estupro de vulnerável.

Leia Mais:
Polícia prende cadeirante e mais três que planejavam roubo em Cuiabá

As diligências iniciaram em janeiro, com denúncias da mãe da menina.  Ela procurou a Delegacia  depois de descobrir os abusos praticados pelo companheiro, com quem convivia há cerca de oito anos. Quando o relacionamento iniciou, a menina tinha apenas 3 anos de idade.

Mesmo com dois filhos pequenos que tem com o agressor, a mãe da vítima, que trabalha como cabeleireira na cidade, procurou imediatamente a Polícia Civil após desconfiar dos abusos ocorridos dentro da própria residência.

Os abusos começaram há cerca de 1 ano.  O suspeito se aproveitava do fato da mãe da menina, que trabalha em um salão, e chegava mais tarde em casa, para cometer os abusos.

Em relato, a vítima contou que diariamente o padrasto voltava antes do serviço e a obrigava a praticar atos libidinosos dos mais variados.

As investigações apontam que o padrasto não era violento com a vítima. No entanto, o mesmo a ludibriava e a ameaçava, afirmando que caso fosse denunciado e preso os irmãos ficariam sem pai, e se a menor contasse algo ele ia descontar na mãe da vítima.

Durante quase três meses de apuração,  foram aplicadas as medidas protetivas no âmbito familiar com objetivo de afastar o agressor.  A vítima foi ouvida por diversas pela equipe de policiais civis, de forma cautelosa evitando ainda mais o trauma, conseguiram fazer com espontaneamente relatasse com detalhes os atos praticados pelo padastro.

Com base nos depoimentos, laudo pericial, indícios e provas da autoria criminosa, o suspeito teve o mandado de prisão preventiva representado pelo delegado de polícia Marcelo Melo de Laet, e deferido pela Comarca.

O suspeito foi preso na própria Delegacia, depois de receber uma intimação para  prestar  esclarecimentos. Ele está recolhido na Cadeia Pública de Jaciara.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade