TJ DIZ QUE GRAMPOS ILEGAIS PODEM ANULAR AçãO CONTRA TRAFICANTES
18.05.2017

O presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, desembargador Rui Ramos afirmou que o suposto esquema de grampos ilegais poderá levar a anulação dos processos contra alguns traficantes que atuam no Estado

 

Os “grampos” ilegais seriam feitos pela Polícia Militar de Mato Grosso, que se utilizaria do esquema para monitorar adversários políticos do Governo, jornalistas, advogados e empresários. O caso foi denunciado pelo promotor de Justiça Mauro Zaque, que foi secretário de Segurança Pública do Estado.

 

O esquema funcionaria por meio da chamada "barriga de aluguel", quando números de telefones de cidadãos, sem conexão com uma investigação, são inseridos em um pedido de quebra de sigilo telefônico à Justiça.

 

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade