MEDEIROS ACUSA FHC DE "DEFENDER MACONHEIROS"
09.05.2017

O senador José Medeiros (PSDB) fez duras críticas ao ex-presidente da República, Fernando Henrique Cardoso (PSDB), após o tucano criticar a proposta do deputado federal e presidente do PSDB de Mato Grosso, Nilson Leitão, sobre a proposta de permitir que empresas não paguem seus funcionários apenas com salário, mas também possibilita que o empregador possa fazer mediante “remuneração de qualquer espécie“, como oferta de moradia e alimentação.

FHC chamou o projeto de lei de Leitão de ‘loucura’. “...aquilo é uma loucura (a ideia aventada permite algo que críticos chamam de trabalho escravo legalizado, com pagamento na forma de alimentação e estadia). Não pode ser assim“, diz trecho da resposta de FHC à Folha, nesta segunda-feira (8).

Em entrevista à rádio Capital FM, Medeiros disse que o ex-presidente não tem conhecimento todo sobre o tema e disparou contra FHC.

“Fernando Henrique só abre a boca para defender maconha. A grande preocupação dele é defender maconheiro, é defender maconha. Eu não sei o que ele anda fumando. E não lê – abre a boca e sai isso”.

Ainda de acordo com a proposta de Leitão, o texto da PL aumenta ainda a jornada diária de trabalho do trabalhador para até 12 horas, e ainda permite a substituição do repouso semanal dos funcionários por um período contínuo, com até 18 dias seguidos, e autoriza a venda integral das férias dos empregados.

O proposta do tucano mato-grossense provocou reações na internet. Muitos críticos afirmam que o projeto de lei de Leitão é voltar ao tempo da escravidão e legalizar por meio desse PL o trabalho escravo no país.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade