PROJETO DA LDO 2018 PREVê CRESCIMENTO DO PIB ACIMA DA MéDIA NACIONAL E CONGELAMENTO AOS PODERES
05.06.2017

 

Mato Grosso deverá ter um orçamento, entre receitas e despesas, de R$ 18,8 bilhões em 2018, é o que prevê o projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) enviado à Assembleia Legislativa no dia 30 de maio. O orçamento ficou R$ 1,3 bilhão acima do previsto para este ano, fechado até o momento em R$ 17,5 bilhões, e indica um aumento de mais R$ 1,3 bilhão até 2020. A LDO 2018 estima, ainda, um crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) de Mato Grosso acima da média nacional.


“Como é de amplo conhecimento, a recessão econômica que atingiu o país, e por extensão o estado de Mato Grosso, foi uma das maiores das últimas décadas. Esse quadro afetou profundamente a base de incidência do ICMS e a arrecadação deste tributo. No entanto, os esforços para aperfeiçoamento da máquina tributária evitaram que a arrecadação fosse afetada significativamente, ainda que não tenha crescido em patamar significativo, quando comparada aos resultados em 2015”, justifica o documento, assinado pelo governador Pedro Taques (PSDB).

O texto segue afirmando que, com base nos indicadores macroeconômicos, haverá uma estabilização da crise bem como a retomada do crescimento nos próximos anos. “Neste sentido Mato Grosso apresenta uma recuperação mais vigorosa em relação ao País”.

De acordo com o documento, o Produto Interno Bruto (PIB) de Mato Grosso deverá crescer 2,37%, enquanto a projeção para o Brasil é de 2,30%. O projeto indica que este crescimento seguirá nos anos seguintes, atingindo 3,60% até 2020.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade