EX-SECRETáRIO Dá APARTAMENTO DE 4 SUíTES COMO FIANçA EM MT
12.06.2017

O ex-secretário de Estado de Planejamento (Seplan-MT), Arnaldo Alves de Souza Neto, colocou um imóvel no valor de R$ 700 mil como garantia do pagamento de fiança referente a um habeas corpus, que pedia sua liberdade, concedido pela justiça em janeiro de 2017. O apartamento é localizado no Edifício Bosque da Garças, na avenida São Sebastião, bairro Quilombo, em Cuiabá.

O habeas corpus foi julgado pela Segunda Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJ-MT), que com os votos dos desembargadores Orlando Perri e Pedro Sakamatoro contrariaram o relator, Alberto Ferreira de Souza, que votou contra a liberdade do ex-secretário. No entanto, uma fiança no valor de R$ 607 mil foi arbitrada para que Arnaldo Alves deixasse prisão, decretada em setembro de 2016, durante a deflagração da quarta fase da operação “Sodoma”.

O apartamento colocado como fiança ocupa um andar inteiro em Cuiabá e possui quatro suítes – incluindo um closet e uma banheiro de hidromassagem. O imóvel possuiria, ainda, lavanderia, dependência de empregada com banheiro, elevador social e de serviço. 

A avaliação do apartamento dado como garantia levou em consideração preços praticados no mercado. De acordo com despacho da justiça, ambos foram autorizados a entrar no imóvel, que está ocupado, e realizar sua análise.

Em janeiro de 2017, além do arbitramento da fiança no valor de R$ 607 mil, os desembargadores da Segunda Câmara Criminal determinaram também outras medidas cautelares contra Arnaldo Alves. O ex-secretário deve comparecer a todos os atos do processo para os quais for intimado, manter seu endereço atualizado, não se ausentar de Brasília, cidade onde reside atualmente, e não se comunicar com os demais réus ou testemunhas da ação.

Em fevereiro deste ano, a juíza Selma Rosane Arruda atualizou as medidas cautelares do ex-secretário e determinou que ele seja monitorado por tornozeleira eletrônica.  Arnaldo ainda está proibido de se comunicar com outros réus e testemunhas do processo.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade