EX-METAMAT ENTREGAVA OURO PARA NADAF NA GARAGEM DA CASA CIVIL
04.07.2017

O ex-presidente da Companhia Mato-grossense de Mineração (Metamat), João Justino Paes de Barros, reafirmou que utilizava um avião fretado da empresa aérea “Abelha” para ir até Peixoto de Azevedo (672 km ao Norte de Cuiabá) comprar barras de ouro para os ex-secretários de Estado Pedro Nadaf e Marcel De Cursi.

 

João Justino é um dos delatores da Operação Sodoma 4, deflagrada em setembro de 2016. Ele prestou depoimento na tarde desta terça-feira (04), à juíza Selma Arruda, da Vara Contra o Crime Organizado da Capital, titular da ação penal.

 

O dinheiro utilizado na compra foi obtido por meio da propina recebida em um esquema de desapropriação da área conhecida como Jardim Liberdade, em Cuiabá, no governo do ex-governador Silval Barbosa (PMDB), que teria lucrado R$ 15,8 milhões.

 

Cursi está preso desde setembro de 2015 no Centro de Custódia de Cuiabá. Já Nadaf conseguiu liberdade com uso de tornozeleira eletrônica na mesma época da deflagração da 4ª fase da operação, após confessar seus crimes.

 

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade