SUSPEITO DE ESTUPRAR 20 MULHERES COM FALSAS PROMESSAS DE EMPREGO é PRESO EM CUIABá
30.08.2017

Um homem de 54 anos, suspeito de ter estuprado 20 mulheres com falsas promessas de emprego, foi preso pela Polícia Civil, em Cuiabá. Segundo a Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Cuiabá, Maurício de Campos Teixeira agia há vários anos atraindo vítimas com falsas propostas de empregos para praticar estupros.

A prisão dele ocorreu na segunda-feira (28) no Bairro Jardim Independência, na capital, e foi divulgada nessa terça-feira (29). O mandado de prisão foi expedido pela Sexta Vara Criminal de Cuiabá.

De acordo com a delegada Nubya Beatriz Gomes dos Reis, o suspeito negou os crimes em depoimento. Ele foi encaminhado para audiência de custódia e levado para uma Centro de Ressocialização de Cuiabá (CRC), antigo Presídio do Carumbé.

Várias mulheres já relataram que foram estupradas por ele ao receberam falsas propostas de emprego de faxineiras, secretárias e atendentes. Cinco já foram ouvidas na delegacia. A maior parte das vítimas é jovem.

Maurício, que se diz bacharel em direito, afirmou que se cadastrou em uma agência de emprego para conseguir contratar uma atendente de telemarketing, pois trabalha com um advogado em um escritório.

A prisão do suspeito foi em decorrência da investigação de uma ocorrência do dia 19 de julho deste ano, onde uma vítima, de 22 anos, estudante de fisioterapia, denunciou ter sido abusada durante um suposto treinamento para um emprego na área de estética.

 

Último caso

 

A vítima contou que o abuso ocorreu em uma casa, no bairro Dom Aquino, em Cuiabá, local em que no dia anterior havia feito a entrevista de emprego com o suspeito, depois de encaminhada por uma agência de emprego.

Ainda conforme a polícia, a jovem narrou que o treinamento consistia em fazer uma massagem. No local foi recebida por Maurício e levada para um quarto, no corredor do imóvel. O suspeito pediu para a estudante tomar banho e deu a ela uma toalha.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade