TURISTAS PRECISAM PROVAR IDENTIDADE APóS PLáSTICAS
23.04.2014

 

Paciente da Coreia do Sul

Devido ao aumento expressivo do chamado “turismo médico” na Coreia do Sul, atraindo um grande público de países vizinhos, instituições médicas começaram a emitir uma série de documentos para auxiliar os pacientes durante a volta para casa, caso haja problemas entre a feição do viajante e sua foto no passaporte.


De acordo com o jornal “The Korea Times”, alguns hospitais coreanos começaram a emitir uma espécie de “certificado de cirurgia plástica” para pessoas de outros países que visitam o local em busca de procedimentos estéticos.

O jornal explica que esse tipo de documentação especial seria para facilitar a vida de quem volta para o país de origem, como China e Japão, e precisa provar que é a pessoa que está em seu passaporte ao passar pela imigração.

A demanda teria aumentado significativamente devido à baixa confiança que os pacientes têm em médicos chineses, aponta o periódico.
A Coreia do Sul é considerada a "campeã" em quantidade de cirurgias plásticas no mundo.


COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade