GOVERNO DO ESTADO CONSEGUE PAGAMENTO DE R$ 109 MILHõES DE DíVIDA DA CONAB
30.10.2017

O governador Pedro Taques (PSDB) deve começar a respirar mais aliviado, pelos menos nos próximos dias. Sua ida a Brasília, nesta segunda-feira (30), rendeu a garantia de que Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), irá quitar uma dívida antiga, na ordem de R$ 109 milhões, com o Governo do Estado. Na reunião, coordenada pelo ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Blairo Maggi, ficou acertado que a dívida será paga assim que o Ministério da Fazenda liberar os recursos, que já constam no orçamento da empresa de abastecimento.

Leia mais:
Taques vai a Brasília cobrar R$ 544 milhões do FEX e Conab; recurso deve desafogar caixa do Executivo

Há três meses, Taques esteve em Brasília acompanhado da bancada federal para uma reunião com o presidente da República, Michel Temer, e o ministro Blairo Maggi. No encontro o governador apresentou ao presidente uma sugestão sobre dívidas que datam de 1985, que a Conab tem com Estado. O montante de R$ 144 milhões tem origem em Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) de produtos retirados de Mato Grosso pela Conab.

No mês seguinte, o governador apresentou ao presidente da Conab, Marcelo Bezerra, o programa mato-grossense de recuperação de créditos fiscais (Refis). Na reunião desta segunda-feira, Marcelo Bezerra garantiu que assim que o recurso for liberado fará o repasse ao Mato Grosso, quitando assim seis créditos de ICMS não pagos nas décadas passadas.

O dinheiro da Conab, conforme adiantado pelo Olhar Direto, deverá ser utilizado principalmente para o pagamento das dívidas com os Poderes e para garantir o pagamento integral do salário do funcionalismo.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade