MULHER é ASFIXIADA ATé A MORTE EM CUIABá; POLíCIA CAçA NAMORADO
31.01.2018

A jovem Vanessa Tito Poqueviqui Ramos, de 21 anos, foi encontrada morta no final da manhã desta quarta-feira (31), no Bairro Três Barras, em Cuiabá.

 

Ela foi asfixiada até a morte na casa de seu namorado de 30 anos, que é considerado o principal suspeito do crime.

 

Conforme a Polícia Civil, Vanessa estava com a blusa levantada, seios amostra e só de calcinha. Ela ainda tinha dois cortes no rosto, que foram provocados por algum tipo de arma branca.

 

Uma ambulância do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) chegou a ser acionada, mas Vanessa já estava sem vida.

 

O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) e deve passar por exames de necropsia, que identificarão a causa da morte.

 

Segundo informações preliminares, a vítima morava há cerca de 1 mês na casa dos pais do namorado.

 

O suspeito tem quatro passagens, sendo três por violência doméstica, com vítimas diferentes, mas nenhuma contra a jovem morta.

 

A primeira foi registrada em 2009, por lesão corporal, com procedimento realizado pela Delegacia da Mulher de Cuiabá, tendo sido condenado nesse processo e, posteriormente, beneficiado com uso de tornozeleira.

 

Ainda de acordo com a Polícia, até o momento ele não foi encontrado.

 

O crime está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade