EM NOTA, DEPUTADO DESCARTA 7ª TROCA DE PARTIDO PARA "BEM SERVIR SOCIEDADE" DE MT
08.02.2018

Em nota na manhã de hoje, o deputado federal Valtenir Pereira (PSB) descartou qualquer possibilidade de retornar ao MDB. No entanto, ele admtiu que recebeu um convite da legenda peemedebista.

Esta seria a sétima mudança partidária do parlamentar, que já esteve duas vezes no PMDB e PSB, além do PT, PROS e PMB. "Recebi com honra e orgulho o convite para retornar às fileiras do MDB.  No entanto, meu foco e compromisso continuam, como sempre foi e será, as causas populares, atendidas por meio das ações parlamentares desempenhadas por ele, ao longo desses três mandatos, para melhorar a vida da população mato-grossense, a qual representa no Congresso Nacional", explica.

Após retornar ao PSB no final do ano passado, Valtenir Pereira provocou uma debandada na legenda. Os deputados federais Adilton Sachetti e Fábio Garcia foram para o DEM.

Já os estaduais Eduardo Botelho, Oscar Bezerra, Mauro Max Russi e Adriano Silva, juntamente com o ex-prefeito de Cuiabá, Mauro Mendes, esperam a "janela" partidária para decidirem seus respectivos rumos. Com a possibilidade de Valtenir sair do PSB, alguns deles cogitaram ficar na legenda para a disputa eleitoral deste ano em Mato Grosso.

No entanto, Valtenir garante que seguirá na legenda apesar da aproximação nacional do PSB com PSDB, o que fará com que ele possa subir no palanque do governador Pedro Taques, seu desafeto político, numa eventual disputa da reeleição. "Estou lisonjeado pelo convite, porém, neste momento, sinto-me bem e muito à vontade para conduzir meu mandato e dar respostas às demandas da população, fazendo parte dos quadros do PSB e conduzindo o Partido em Mato Grosso na tão honrosa missão de bem servir a sociedade”, afirmou.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade