APóS RENúNCIA, FáVARO DISPUTARá SENADO NA CHAPA DE OPOSIçãO EM MT
09.04.2018

“É um dia histórico. A política é, acima de tudo, um ato de bravura, de coragem, de determinação. Se tivesse duas vidas, daria uma e meia para a política”, declarou Osvaldo Sobrinho (PTB), durante o ato de filiação do filho e vice-prefeito de Cuiabá, Niuan Ribeiro, ex-PTB e agora PSD. “A caminhada é independente, mas o caminho é para todos”.

A reunião aconteceu neste sábado (07), no diretório estadual do PSD, em Cuiabá, onde estiveram presentes o presidente do partido em Mato Grosso, Carlos Fávaro; o senador e provável candidato ao governo do Estado, Wellington Fagundes (PR); o presidente do PSD em Cuiabá, Dr. Homero, além de diversas lideranças do PSD.

Filiado há 16 anos ao Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), Nuian optou pela filiação ao PSD em meio a convites de outros partidos, entre eles PSDB, PV e PR. “Esta foi a decisão mais difícil da minha vida. Não estou mudando de partido, mas acreditando em um projeto e somando com ele. Reforço que estou aqui porque acredito no projeto do Fávaro e também neste time, que é entrosado e quer crescer. Vim para somar. Temos que andar com os melhores para ficar bom. Se Deus quiser, Wellington Fagundes governador”, discursou Niuan.

No PSD o clima é de renovação e boas-vindas a uma juventude que traz novas ideias e novas expressões. Junto à Niuan, assinaram carta de filiação também Domingos Sávio Ribeiro e Jean Marcel de Almeida Barros.

De acrodo com o presidente do PSD, Carlos Fávaro, as urnas de 2018 serão decisivas para o estado de Mato Grosso. “Com essa juventude que está vindo com o Niuan, o PSD se torna cada vez mais um partido de diálogo e sério. Tanto eu quanto Niuan tivemos nosso primeiro mandato como vices, o que é uma honra. Estou honrado de ser pré-candidato ao Senado com vocês ao meu lado. A sociedade está exigindo coisas maiores, perfis melhores. É preciso pensar em caminho longo, de construção. Agora isso será testado nas urnas”, declarou.

Para Oswaldo Sobrinho, vale a pena se dedicar à política, caso se faça com seriedade e responsabilidade. “Vejo muitos jovens aqui. Ousem! Se vocês não ousarem, as coisas não melhoram. Entrego meu filho ao Fávaro para que façam juntos o caminho dele. Para que construa a carreira política dele no PSD, uma caminhada séria, com gente de bem. Em um país em que ninguém renuncia nem ao cargo de porteiro de cemitério, Fávaro renunciou ao cargo de vice-governador. Só por esse ato acho que já merece meu respeito. De coragem, bater o pé e acreditar no que faz. E por isso você receberá também o respeito da sociedade”, declarou.

NIUAN RIBEIRO

Niuan Ribeiro Roberto, 33 anos, é vice prefeito de Cuiabá na gestão de Emanuel Pinheiro,  e formado em Direito pela UFMT com especialização em Direito Econômico Empresarial pela Fundação Getúlio Vargas de Brasília – DF com extensão pela Universidade de Ohio - Estados Unidos. Ingressou cedo na vida política, filiando-se ao PTB, do pai ex-senador por Mato Grosso, Osvaldo Sobrinho.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade