MICHEL TEMER HOMOLOGA TERRA INDíGENA DE 20 MIL HECTARES EM MATO GROSSO
27.04.2018

O presidente Michel Temer assinou termo de homologação da terra Indígena de Baía dos Guató, dos índios Guató, em Barão de Melgaço (a 109 quilômetros de Cuiabá). A área tem quase 20 mil hectares, e fica às margens do Rio Cuiabá e Corixo. A homologação circula no Diário Oficial da União desta sexta-feira (27).

Leia mais: 
Partida de futebol é cancelada após confusão entre indígenas e policiais

A assinatura ocorre na semana em que milhares de povos indígenas estão reunidos em Brasília, no 15º Acampamento Terra Livre, para cobrar a demarcação de terras pelo governo federal. Segundo os organizadores, cerca de 2,5 mil pessoas participaram do ato, e é considerado a maior mobilização indígena do Brasil. Além disso, os indígenas apelam por mais atenção à demarcação de terras, cuidados com saúde e educação.
 
No ato, que deve permanecer até o dia 27, há intensa programação no acampamento, com reuniões plenárias, rituais, rezas, danças, lançamentos de publicações e a projeção de filmes e documentários.
 
Os Guató são considerados o povo do Pantanal por excelência, ocupavam praticamente toda a região sudoeste do Mato Grosso, abarcando terras que hoje pertencem àquele estado, ao estado de Mato Grosso do Sul e à Bolívia. Podiam ser encontrados nas ilhas e ao longo das margens do rio Paraguai, desde as proximidades de Cáceres até a região do Caracará, passando pelas lagoas Gaíba e Uberaba e, na direção leste, às margens do rio São Lourenço. No interior deste vasto território sua presença foi registrada desde o século XVI por viajantes e cronistas.

Confira AQUI o decreto. 

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade