PROPOSTA REDUZ TARIFA DO ôNIBUS EM CUIABá
12.06.2018

A queda de R$ 0,46 no preço do litro do óleo diesel estabelecida pelo Governo Federal em atendimento a reivindicação dos caminhoneiros autônomos pode favorecer uma redução no valor da passagem do transporte coletivo na capital mato-grossense entre R$ 0,14 e R$ 0,15.

O alerta foi feito pelo vereador Sargento Joelson (PSC) durante a sessão da Câmara Municipal de Cuiabá desta terça-feira (12.06), oportunidade em que apresentou um requerimento solicitando do prefeito Emanuel Pinheiro e da Agência Municipal de Serviços Públicos (Arsec) uma simulação da fórmula do cálculo do transporte coletivo em cima da redução dos R$ 0,46.

Segundo planilha de cálculo utilizada pela ARSEC, para se chegar ao preço da tarifa do transporte publico municipal aqui em Cuiabá – hoje em R$ 3,85 - dentre outros fatores, o diesel impacta em 28% no valor final pago pelo usuário.

Ele observa que dos R$ 0,46, R$ 0,16 está sendo feito pela redução do PIS/Cofins e Cide Combustíveis e R$ 0,30 garantido com ressarcimento direto para a Petrobras com recursos orçamentários.

"Estudos preliminares apontam que poderíamos diminuir entre R$ 0,14 e R$ 0,15 centavos do valor praticado hoje pelas concessionárias. Então, com a baixa do diesel fica a pergunta: o que e quanto essa medida pode impactar no valor final da passagem de ônibus paga pela população cuiabana?”, questiona Sargento Joelson.

Diante disso é que o vereador solicitou junto ao prefeito e a Arsec informações sobre uma nova planilha de preço a ser praticada no transporte público de passageiros em Cuiabá.

Sargento Joelson ainda conclamou os demais vereadores e vai buscar o envolvimento dos usuários do transporte coletivo para participarem da discussão deste tema.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade