VEREADOR DO PSDB é OPçãO NA DISPUTA
29.06.2018

Caso o presidente da Câmara de Cuiabá, vereador Justino Malheiros (PV) não consiga derrubar a decisão judicial que o impede de ser candidato a reeleição, o vereador Ricardo Saad (PSDB) deve protagonizar a disputa contra o vereador Misael Galvão (PSB) em agosto deste ano. 

“Primeiro nós temos que esperar o que vai acontecer com o Justino na justiça. Até lá, não sou candidato a nada. Agora, se vetarem o Justino da candidatura dele, existe um consenso dentro do grupo que eles querem que lançar o meu nome. Na verdade, quem está lançando meu nome são eles, que eu seria consenso pela minha idade, pela experiência que temos aqui dentro”, explicou o parlamentar tucano. 

Saad, entretanto, garante que só irá encarar o pleito se houver consenso. “Se for para fazer uma coisa que contemple uma parte da oposição e uma parte da situação, eu acho que meu nome seria bom. Se for o caso de ser consenso posso aceitar entrar na disputa, mas temos que esperar a decisão da justiça”, enfatizou. 

O vereador afirma que ainda tem uma certa resistência em disputar a eleição para presidente do Parlamento Municipal, tendo em vista que ainda atua como médico. 

“Estou pensando em encarar a empreitada. Agora, isso pode atrapalhar minha vida pessoal, minha vida como médico, porque eu vou ter que me dedicar exclusivamente aqui. Eu como vereador, não preciso dedicar todo o meu tempo a parte política. Passei minha vida inteira querendo ser médico, na política eu entrei”, disse. 

Em contrapartida, afirma que está disposto a deixar os empecilhos de lado. “Tem que ser consenso, porque eu não vou ser baba de vereador. Eu tenho minha cabeça, tenho minhas ideias tenha minha maneira de agir e nessa parte sou chato. Eu tenho uma resistência, mas eu vou largar mão disso, pois ou eu vou aceitar as coisas da maneira que está vindo”, garantiu. 

O grupo liderado por Justino ainda tem outra saída caso ele não consiga reverter a decisão judicial. Se Saad recuar da disputa, quem irá representar o grupo será o vereador Marcos Veloso (PV). 

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade