CUIABá ACUSA SINDICALISTA DE MENTIRAS
20.06.2018

A presidente do Sindicato dos Odontologistas do Estado de Mato Grosso, Dra. Juliane Maciel divulgou nesta semana diversas denúncias infundadas na imprensa sobre as Clínicas Odontológicas e Centros de Especialidades Odontológicas do município. A servidora divulgou, inclusive, fotos antigas de problemas que já foram solucionados nas unidades, com o intuito de denegrir o trabalho realizado pela gestão da coordenadoria de saúde bucal e seus profissionais dentro das unidades odontológicas.

Uma das questões em pauta diz respeito à necessidade dos cirurgiões-dentistas de baterem ponto para entrada e saída do trabalho, o que a servidora alega ser causa de transtornos para os profissionais. A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) informa que a utilização do ponto eletrônico é uma determinação do Tribunal de Contas do Estado, para que haja um controle correto dos horários de trabalho. As sedes que ainda não possuem ponto eletrônico em breve terão os aparelhos instalados e em pleno funcionamento.

Em relação à alegação de que faltam insumos nas unidades odontológicas do município, a SMS revela que esta informação é inverídica. Todas as Clínicas Odontológicas e Centros de Especialidades Odontológicas possuem materiais e insumos para realizar os atendimentos normalmente. Inclusive nenhum tratamento foi suspenso ou prejudicado devido à falta de materiais. Pode ocorrer ocasionalmente de um determinado material acabar na unidade devido ao grande número de atendimentos, mas nesse caso a demanda é suprida por outra unidade que tenha o material, que pode emprestar ou mesmo trocar por outro tipo de insumo. Esta prática é totalmente normal e até mesmo incentivada e devidamente documentada entre as unidades da rede para que não haja vencimento e desperdício do material por falta de uso.

Sobre a questão da foto de uma clínica odontológica divulgada com parte do teto caído, o coordenador da saúde bucal da SMS, Renei Lara explica que foi um problema que aconteceu durante a reforma do telhado da Clínica Odontológica do CPA3 em fevereiro deste ano e que, no dia seguinte já estava completamente resolvido. “A Prefeitura Municipal de Cuiabá está realizando reformas nas unidades seguindo um cronograma elaborado pela equipe de obras da SMS. A Clínica Odontológica do Jardim Leblon, por exemplo, já foi reformada e neste momento a do Tijucal está passando por reforma. Temos mais oito clínicas com reformas previstas no cronograma e mais 12 salas odontológicas nas USFs. Decidimos fazer uma clínica por vez para não prejudicarmos o atendimento à população. Enquanto uma está passando pelos reparos, encaminhamos os pacientes para outra”, comenta o coordenador.

Outras melhorias que estão sendo realizadas nas unidades como a troca dos estofados das cadeiras de dentista. Já foram trocadas as da unidade do CPA 3, do Jardim Leblon e as outras unidades já estão no cronograma. Também foi resolvido o problema da falta de água na Clínica Odontológica do Coxipó, que hoje conta com uma caixa d´água exclusiva para a odontologia.  

Estão previstas ainda a implantação de mais 23 equipes de saúde bucal dentro das Unidades de Saúde da Família que estão passando por reforma e/ou ampliação. “Atualmente temos em funcionamento na Atenção Básica três Clínicas Odontológicas: no CPA 3, no Coxipó e no Jardim Leblon. Temos ainda os Centros de Especialidades Odontológicas (CEO) no Tijucal, Osmar Cabral, Planalto, Verdão, Dom Aquino, Pascoal Ramos e Jardim Vitória. Também temos equipes de saúde bucal nas seguintes USFs: Clínica da Família (CPA1) – que tem 5 equipes, Sucuri, Santa Isabel,  Pedra 90 – com 2 equipes, Novo Paraíso 1, Renascer além de duas na zona rural: Distrito da Guia e Aguaçu”, revela Renei.

A população pode contar ainda com atendimentos odontológicos de plantão 24 horas na UPA Pascoal Ramos, UPA Morada do Ouro, Centro de Especialidades Odontológicas do Verdão e Clínica Odontológica do Coxipó. O Centro de Convivência do Idoso Padre Firmo também possui uma equipe de saúde bucal, que atende no período da manhã e da tarde.

“A reestruturação das unidades de saúde do município e ampliação da rede é um dos maiores objetivos da gestão do prefeito Emanuel Pinheiro. É sabido que a saúde pública não é fácil de gerir, mas o prefeito não tem medido esforços para proporcionar um serviço mais humanizado e cada vez melhor para a população, incluindo a saúde bucal”, finalizou o coordenador. 

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade