PRISãO DE SUSPEITO DE MATAR GAROTA E ESCONDER CORPO é DECRETADA
20.09.2018

O suspeito de matar uma adolescente de 14 anos e ocultar o corpo dela em um lixão em Colniza (a 1.077 km de Cuiabá), R.J.G., de 32 anos, teve a prisão preventiva decretada pela Justiça nessa quarta-feira (19), após representação feita pelo delegado Alexandre Silva Nazareth, da Polícia Civil.

 

O suspeito já havia sido detido na terça-feira (18), logo após o corpo da menor ser localizado em uma cova rasa no lixão do município.

 

A equipe policial recebeu informações de familiares da vítima sobre provável local onde poderia estar o corpo da adolescente. A localização do cadáver teria sido repassada à família pelo suspeito.

 

Próximo ao corpo da jovem foram encontrados pertences da adolescente e as roupas que a menor usava no dia em que desapareceu, no sábado (8), por volta das 18h.

 

O suspeito chegou a levar familiares e conhecidos da vítima até o lixão, mas não apontou com precisão o local.

 

Ele também foi indicado por outras testemunhas como o autor de diversas ameaças de atentados contra a vida caso contassem que ele sabia do fato.

 

Detido em um bar, próximo a feira municipal, R.J.G. foi conduzido à Delegacia de Colniza e interrogado.

 

Na ocasião, ele negou participação no homicídio, disse ao delegado que sabia apenas onde estava o corpo da adolescente e apontou um outro suspeito como o responsável pela morte.

 

Segundo a Polícia Civil, todas as informações levantadas nas oitivas e depoimentos serão analisadas no transcorrer do inquérito policial e confrontadas com demais atos de investigação.

 

De acordo com o delegado, o suspeito pode ser indiciado pelos crimes de homicídio qualificado e ocultação de cadáver.

 

A polícia já requisitou, junto à Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), os exames periciais de local de crime, necropsia e DNA do corpo da vítima.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade