FáVARO SE DIZ INCONFORMADO E APONTA DESMANDOS E DESPREPARO DA ATUAL GESTãO
16.08.2018

O ex-vice-governador Carlos Fávaro (PSD) recheou seu primeiro discurso como candidato ao Senado com críticas à gestão Pedro Taques (PSDB), da qual além de vice também foi secretário de Meio Ambiente. Ao lado de Mauro Mendes (DEM) e Jayme Campos (DEM), Fávaro se disse inconformado com a atual situação de Mato Grosso e classificou o governo como despreparado, ao fazer um comparativo com o perfil de Mauro Mendes.

Leia também:
Fávaro diz que Taques não se mostrou apto e o melhor para Mato Grosso será Mauro Mendes
 
“Nós temos a oportunidade de escolher um governo que continue com o desmando, com despreparo, sem saber o que faz e que leva tanta insatisfação e tristeza aos mato-grossenses ou então a opção de trazer um grande gestor, um homem preparado, dedicado, que já provou na sua vida particular e na vida pública como prefeito de Cuiabá Mauro Mendes para arrumar a casa e colocar Mato Grosso de volta nos trilhos”, discursou Fávaro, na manhã desta quinta-feira (16), em Cuiabá.
 
“Eu não posso me conformar quando vejo a riqueza de Mato Grosso passar para todos os lados e vejo um pai de família lutando, tentando se esforçando para muitas vezes se decepcionar”, reclamou. “Eu não posso me conformar quando eu vejo jovens e crianças em escolas de péssima qualidade, perdendo sua oportunidade de estudo, de qualificação, vendo a escola sendo demolida e não reconstruída”, continuou.
 
Fávaro também aproveitou para criticar a saúde, um dos pontos mais críticos da atual administração. “Eu não posso me conformar quando vejo tantas filas na saúde, tantas cirurgias atrasadas, tanta falta de remédio, tanta falta de repasses aos municípios na aera da saúde em um estado rico e próspero como esse. Eu não posso me conformar com isso”.
 
Fávaro incentivou a militância a entrar de cabeça na campanha para conquistar votos para a chapa toda. “Não existe salvador da pátria, não vou fazer isso sozinho, por isso eu quero muito, Jayme Campos, com você senador ao meu lado, com toda a sua experiência, me orientando, para que nós possamos juntos ter a força e a representatividade política mato-grossense do tamanho da sua grandeza econômica para trazer recursos de volta para esse estado para que Mauro Mendes possa administrar melhor, andar nos trilhos e fazer a vida das pessoas mais feliz”.
 
Ex-vice
 
Fávaro foi eleito junto com Taques em 2014 e sua e se manteve parceiro da atual gestão por três anos e meio. Além de vice, ocupou a Secretaria de Meio Ambiente. No mês de abril deste ano, entregou a carta de renúncia à Taques e todos os cargos que tinha na vice-governadoria. Assinou também um manifesto contra a reeleição do governador.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade