CâMARA ANULA COMPRA DE SALGADINHOS
07.01.2019

Presidente da Câmara Municipal de Cuiabá, Misael Galvão (PSB) decidiu tornar sem efeito o aditivo de mais de R$ 20 mil na compra de salgadinhos durante o período de recesso parlamentar.

Por meio de nota, o chefe do Poder Legislativo da capital disse que nos próximos dias realizará uma nova licitação para atender a demanda de buffets para eventos da Câmara.

"Neste recesso parlamentar, ainda não foi utilizado e não será utilizado nenhuma compra de salgado. Reiteramos que nenhum valor será pago porque não haverá gasto", diz trecho da nota que ainda afirma que a Mesa Diretora focará em "economicidade da coisa pública".

O aditivo vigoraria até o dia 4 de fevereiro. Ele foi publicado no dia 2 de janeiro, informando o contrato com a empresa Capriata de Souza Lima e Souza Lima LTDA-ME. Ela pertence a Rosenir Capriata de Souza Lima, que é filiado ao partido Democracia Cristã desde 1998. 

Com o aditivo, o contrato entre a empresa de Rosenir e a Câmara atingiria a marca dos R$ 107,7 mil. Inicialmente, ele já custava R$ 87,5 mil para os cofres públicos. Além da Câmara, a empresa de Rosenir já prestou serviços para a Prefeitura de Cuiabá.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade