TRAVESTI SOBREVIVE A TENTATIVA DE HOMICíDIO E DENUNCIA MULHER A 'TRIBUNAL DO CRIME' DO COMANDO VERMELHO
18.01.2019

Uma travesti ameaçou denunciar uma mulher de 39 anos identificada como P.A. ao ‘tribunal do crime’ da facção criminosa Comando Vermelho, por suspeita que ela teria encomendado sua morte. Com medo, a mulher denunciou o caso à polícia de Várzea Grande na última quinta-feira (17).

Leia mais:
Jovem de 22 anos é morta três meses após se casar; marido é procurado

De acordo com informações da polícia, ambas as envolvidas moravam juntas no bairro Parque Sabiá. Porém, um aparelho celular de P.A teria sido furtado. A mulher teria desconfiado que seria a travesti, pois ela seria a única com acesso à residência.
 
A travesti então teria ido embora da casa, entretanto, teria sofrido uma tentativa de homicídio logo depois e acusou P.A de ser a mandante.
 
Por meio de uma ligação, a travesti teria acusado a mulher de ter encomendado o crime por conta do suposto furto do aparelho celular e disse ainda que iria denunciar P.A ao Comando Vermelho. A mulher nega a situação e por este motivo registrou a ocorrência.

COMENTÁRIOS

*** **  ***


VÍDEOS

      
BUSCA:
© Copyright 2014 A Notícias - Política de Privacidade