24 de Maio de 2024

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO

CIDADES Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2022, 09:35 - A | A

Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2022, 09h:35 - A | A

REFERÊNCIA

Hospital Regional de Sinop completa 10 anos de funcionamento com avanços e investimentos

Redação

O Hospital Regional de Sinop, administrado pela Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT), completou 10 anos de funcionamento em 2022 e registra avanços em sua infraestrutura. No segundo semestre deste ano, foram entregues uma nova recepção e um novo Pronto Atendimento, além da conclusão da reforma da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) adulto.

Os investimentos resultaram na melhoria da performance das cirurgias realizadas no Hospital Regional. Enquanto em agosto deste ano foram realizados 182 procedimentos cirúrgicos, em outubro, foram 447. Nos últimos três meses, mais do que dobrou o número de cirurgias realizadas.

Quer ficar bem informado em tempo real? Entre no nosso grupo e receba todas as noticias (ACESSE AQUI).

“Temos modernizado a estrutura e o parque tecnológico dos hospitais regionais e isso resulta em melhorias nos atendimentos e na performance destas unidades. Trabalhamos para que essa modernização chegue a todas as unidades administradas pela SES”, disse a secretária de Estado de Saúde, Kelluby de Oliveira.

Segundo o diretor do Hospital Regional de Sinop, Jean Alencar, a equipe da unidade trabalha para retomar o planejamento executado desde o início da atual gestão, impactado pela pandemia da Covid-19.

“A nossa meta é atingir a marca de 500 procedimentos cirúrgicos por mês. É preciso dizer que nunca se operou tanto neste hospital. Assumimos uma unidade que havia realizado 90 procedimentos em dezembro de 2018 e 70 em janeiro de 2019”, lembrou Jean.

Entre julho e dezembro de 2022, foram retomados os atendimentos ambulatoriais de consultas agendadas, à medida em que foi ampliado o número de especialidades ofertadas. A unidade passou a contar com serviços de oftalmologia, vascular, urologia e atendimento clínico, para tratamento de cuidados paliativos e dores crônicas.

“Apenas neste segundo semestre, foram adquiridos equipamentos, cujos valores chegam à casa dos R$ 2 milhões em investimento do Governo do Estado. A unidade vem se modernizando para ofertar à população atendimentos de maior complexidade, procurando evitar a transferência de pacientes para outros centros especializados”, explicou o gestor.

Para além das obras de modernização, está sendo ampliado o número de salas cirúrgicas –de três para cinco – e colocados à disposição dois novos aparelhos de arco cirúrgico, que podem otimizar a realização de cirurgias na unidade. As equipes técnicas ainda trabalham na abertura de uma ala pediátrica.

O Hospital Regional atua como referência estadual para procedimentos cirúrgicos e exames de grande complexidade. Atualmente, conta com 95 leitos totais e atende nas especialidades de ortopedia e traumatologia, cirurgia geral, cirurgia vascular, oftalmologia, neurocirurgia, clínica geral, nefrologia, neurologia e cardiologia, além do atendimento em urgência e emergência e clínica para cuidados paliativos e dores crônicas.

Comente esta notícia

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do A Notícia MT (anoticiamt.com.br). É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site A Notícia MT (anoticiamt.com.br) poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

image