15 de Junho de 2024

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO

CIDADES Segunda-feira, 27 de Maio de 2024, 15:20 - A | A

Segunda-feira, 27 de Maio de 2024, 15h:20 - A | A

COLORINDO A VIDA

Projeto coordenado pela Secretaria da Mulher e Núcleo de Apoio à Primeira-dama beneficiará mães solo

Redação

A Secretaria Municipal da Mulher e o Núcleo de Apoio à Primeira-dama, em conjunto com a pintora profissional Solange Prado de Sousa e a iniciativa privada, lançaram o projeto ‘Colorindo a Vida’ na última sexta-feira (24), no auditório da pasta. A primeira beneficiária da ação, que reformará os lares das chamadas mães solo, as mulheres que criam os filhos sozinhas, participou do evento.

Os serviços de pintura residencial e melhorias básicas na estrutura dos lares estão presentes no escopo do projeto, que conta com a parceria de oito empresas do setor de materiais de construção, iluminação, elétricos, entre outros.

“Reunimos algumas pintoras e pintores para ir até à casa e fazer um diagnóstico de toda a patologia para ver quais os serviços que necessitam ser feitos. Vou entrar com a pintura de portas, janelas, paredes e demais serviços para proporcionar o melhor para essa mãe”, contou Solange.

Quer ficar bem informado em tempo real? Entre no nosso grupo e receba todas as noticias (ACESSE AQUI).

De acordo com a secretária da Mulher, Cely Almeida, 15% dos lares brasileiros são chefiados por mulheres, sem a presença de um cônjuge, e mais de 70% estão inseridos em níveis socioeconômicos críticos, sendo beneficiárias de programas sociais públicos.

“As mulheres que estamos buscando são referenciadas pelos CRAS e CREAS e seguem critérios que geralmente as enquadram em realidades sociofamiliares de dificuldade financeira e social. Nós queremos cuidar dessas mulheres, dando apoio, oferecendo cursos e melhorias de vida, como este projeto irá proporcionar.”

Serão quatro beneficiárias, nessa primeira etapa, que serão apontadas pelos Centros de Referência em Assistência Social e que deverão seguir alguns critérios, entre eles estar inserida no Cadastro Único, possuir escritura da casa, no caso de aluguel ter a anuência do proprietário e residência com até 42 metros quadrados.

Comente esta notícia

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do A Notícia MT (anoticiamt.com.br). É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site A Notícia MT (anoticiamt.com.br) poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

image