29 de Maio de 2024

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO

CIDADES Sexta-feira, 25 de Novembro de 2022, 08:51 - A | A

Sexta-feira, 25 de Novembro de 2022, 08h:51 - A | A

ATENDIMENTO OFTALMOLÓGICO

Projeto viabiliza consultas e distribui quase 50 óculos a crianças

Redação

Cento e vinte crianças e adolescentes já foram atendidos pelo projeto “Visão do Futuro”, desenvolvido pelo Ministério Público do Estado de Mato Grosso e parceiros nos municípios de Apiacás, Nova Monte Verde e Nova Bandeirantes. Já foram realizadas consultas oftalmológicas nos três municípios e entregues 47 óculos em Nova Bandeirantes.

O projeto busca atender a uma demanda reprimida de aproximadamente 300 crianças que aguardam a realização de exames oftalmológicos, procedimentos cirúrgicos desta natureza e aquisição de óculos. A iniciativa terá continuidade no próximo ano até o cumprimento da meta estabelecida.

O coordenador do projeto, promotor de Justiça Cleuber Alves Monteiro Junior explica que o projeto “Visão do Futuro” surgiu como importante ferramenta para eliminar a demanda de crianças na fila de espera do Sistema Único de Saúde (SUS). Ele ressalta que a espera por atendimento tem consequências relacionadas à saúde dessas crianças e também contribui para um desempenho escolar negativo.

Quer ficar bem informado em tempo real? Entre no nosso grupo e receba todas as noticias (ACESSE AQUI).

O promotor de Justiça explicou que os recursos utilizados para realização dos exames, procedimentos cirúrgicos e aquisição de óculos são oriundos de doações feitas pela sociedade civil organizada (empresas privadas, pessoas físicas que se interessem em apadrinhar o tratamento de uma criança), como também do próprio apoio conferido pelo poder público de cada um dos municípios que terão suas crianças beneficiadas.


“O projeto atende famílias que são vulneráveis e não possuem condições para suprirem sozinhas os custos de um tratamento correto ou até mesmo para a simples aquisição de óculos para os filhos. O Ministério Público exerce um importante papel social, principalmente quando se trata do cuidado com as crianças e adolescentes, pois, num futuro próximo, serão eles os agentes de transformação na sociedade”, ressaltou o promotor de Justiça.

Comente esta notícia

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do A Notícia MT (anoticiamt.com.br). É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site A Notícia MT (anoticiamt.com.br) poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

image